Criar, cantar e dançar: as pessoas por trás das figuras e os elementos formadores dos Guerreiros.

Juliana Gonçalves

Resumo


Este artigo tem como objetivo conhecer as pessoas que compõem grupos de folguedos pertencentes a cultura popular do Estado de Alagoas. O olhar antropológico está direcionado para o que há por trás dos trajes coloridos dos personagens/brincantes. Nesse estudo em torno de uma manifestação artística e religiosa, saber quem são os participantes e sua colaboração dentro do folguedo Guerreiro é importante para compreender as razões, os interesses e os conflitos existentes internamente. Neste primeiro momento serão apresentadas e descritas as pessoas brincantes que fazem parte dos Guerreiros estudados, os personagens que são interpretados e os principais elementos formadores deste folguedo, pois entendo que só assim poderá ser compreendido como se dá a organização interna da brincadeira e as relações entre o folguedo, a comunidade e o Estado.

Palavras-chave: Guerreiro. Brincantes. Folguedo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista de Estudos e Investigações Antropológicas
AV. Prof. Moraes Rêgo, 1.235. 13° andar
Cidade Universitária
50.670-901 - Recife - PE – Brasil
reiappga@gmail.com