The Nurse in prevention of infections in intensive care

Mariléia Stube, Carina Talice Stube Herman, Eliane Raquel Rieth Benetti, Eniva Miladi Fernandes Stumm

Resumo


Objetivo: avaliar ações de enfermeiros referentes à prevenção de infecções em unidades de terapia intensiva adulto, neonatal, pediátrica e coronariana. Método: estudo qualitativo e descritivo, realizado com 18 enfermeiros. A construção dos dados ocorreu mediante entrevista aberta, que foi gravada. Posteriormente, os dados foram submetidos à análise de conteúdo e apresentados em duas categorias analíticas. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, CAAE nº 219.0/2011. Resultados: emergiram duas categorias analíticas, que versam a respeito do entendimento dos enfermeiros referente à infecção hospitalar e ações desenvolvidas por eles no sentido de preveni-las. Conclusão: os resultados da pesquisa sinalizam mudanças importantes para qualificar a assistência aos pacientes em terapia intensiva e a redução de infecções hospitalares. Descritores: Infecção Hospitalar; Enfermagem; Cuidados de Enfermagem; Unidades de Terapia Intensiva.


Palavras-chave


Infecção Hospitalar; Enfermagem; Cuidados de Enfermagem; Unidades de Terapia Intensiva.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v7i12a12368p6989-6997-2013



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios