AS RELAÇÕES DE GÊNERO NAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS INFANTOJUVENIS: UMA ANÁLISE ACERCA DOS PERSONAGENS DA TURMA DA MÔNICA JOVEM

Caroline Leite Borges de Oliveira, Jéssica Ribeiro de Oliveira

Resumo


Este trabalho teve como foco a análise dos discursos acerca das questões de gênero e sexualidade representados nas histórias em quadrinhos da Turma da Mônica Jovem, a fim de captarmos as inferências desse veículo midiático, popular entre os pré-adolescentes, na formação do público-alvo que as consomem. Para isso, realizamos uma pesquisa de cunho qualitativa do tipo descritiva, na qual analisamos 5 histórias em quadrinhos desta nova releitura de Maurício de Souza, selecionadas dentre a primeira e a segunda coleção já publicadas. O estudo revelou que as representações acerca do gênero e sexualidade são muito recorrentes nesta nova coleção já que as histórias giram em torno dos novos relacionamentos dos personagens, agora adolescentes. Entretanto, embora identifiquemos situações e discursos que questionam o machismo, o discurso em prol da manutenção da heterossexualidade como norma ainda é bastante presente.

Texto completo:

PDF

Referências


BAUER, Martin W. GASKELL, George (editores). Pesquisa qualitativa com texto: imagem e som: um manual prático. Tradução de Pedrinho A. Guareschi.- Petrópolis, RJ : Vozes, 2002.

SARTI, Cynthia Anderson. A família como espelho: um estudo sobre a moral dos pobres. - 3 ed.- São Paulo: Cortez, 2005.

SILVA, Tomaz Tadeu da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

TIBURI, Márcia. Prefácio. In: SOUZA, Babi. Vamos juntas? O guia da sororidade para todas. Editora Galera Record. 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Semana  Pedagógica ISSN 2595-1572 (on line)