SISTEMATIZAÇÃO DO ENSINO-APRENDIZAGEM DA GINÁSTICA NA ESCOLA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA DA REGÊNCIA NOS ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL NO CAP/UFPE

Walassy José de Menezes Albuquerque, Cindi Manoela de Quadros, Paula Roberta Paschoal Boulitreau

Resumo


De acordo com Ayoub (2003) a história da Educação Física está bastante afinada com a Ginástica. Pois, embora a Educação Física contemple o trato pedagógico de cinco fenômenos da cultura corporal (esporte, jogo, dança, luta e ginástica), a Ginástica é o primeiro deles a se manifestar como saber específico da Educação Física na escola. Segundo Nunomura (2016) a Ginástica começa a ser sistematizada no final do século XIX (após a Revolução Industrial) na Europa, a partir da criação dos métodos ginásticos europeus. No Brasil, inicialmente, a Educação Física se fundamenta no método francês de ginástica. Após a década de 1980, a área começa a se repensar e entender-se que outros saberes também são pertinentes à Educação Física, sendo necessária também a ressignificação da Ginástica na escola. Nessa perspectiva, o Coletivo de Autores (2012) ressignifica a Ginástica conceituando-a da seguinte maneira: “[...]é uma forma particular de exercitação onde, com ou sem aparelhos se abre a possibilidade de atividades que provocam valiosas experiências corporais, enriquecedoras da cultura corporal” (p.76). A fim de corroborar com a ideia apresentada, Lorenzini (2005) considera que ginástica deve buscar na escola a superação de seus conceitos voltados a valorização excessiva da aptidão física estabelecida historicamente. Considerando os apontamentos apresentados, a pesquisa em voga tem o objetivo de refletir sobre as possibilidades de sistematização do ensino-aprendizagem desse conteúdo da Educação Física nos anos finais do ensino fundamental. Para tanto, foi realizada uma experiência pedagógica no Colégio de Aplicação da UFPE com três turmas situadas nesse nível de ensino. Nesse sentido, o estudo torna-se relevante do ponto de vista acadêmico e social a medida que compartilha essa experimentação pedagógica.

Texto completo:

PDF

Referências


AYOUB, Eliana. Ginástica Geral e Educação Física Escolar. Campinas: Editora da Unicamp, 2003.

COLETIVO DE AUTORES. Metodologia do ensino de educação Física. São Paulo: Cortez, 2012.

LORENZINI, Ana Rita. O conteúdo ginastica em aulas de educação física escolar IN SOUZA JUNIOR, Marcílio (org.) Educação Física escolar: teoria e politicas curricular, saberes escolares e propostas pedagógicas Recife: EDUPE, 2005.

NUNOMURA, Myrian (org.). Fundamentos das Ginásticas. 2ª ed. Várzea Paulista-SP: Fontoura, 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Semana  Pedagógica ISSN 2595-1572 (on line)