TRAÇANDO OS LIMITES DA SOCIOLOGIA DA MORALIDADE: uma perspectiva adorniana

Simone Magalhães Brito

Resumo


Este trabalho analisa a ideia adorniana de ‘vida falsa’ como uma sociologia da experiência moral sob o capitalismo. Uma vez que o pensamento moral de Adorno confronta os aspectos normativos da filosofia moral tradicional ao revelar o seu fundamento sociológico, neste artigo buscamos desenvolver esta perspectiva a partir de um método crítico para a sociologia da moralidade, apresentando a especificidade e os principais problemas de seu objeto.



Texto completo:

HTML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427