DOWNSHIFTING/ DESACELERANDO

Elaine de Azevedo, Daniel Coelho de Oliveira

Resumo


Este estudo conceitual busca nas Ciências Humanas e Sociais teorias e referências para problematizar o downshifting, bem como movimentos que dialogam com suas premissas. O comportamento não se insere em molduras conceituais precisas. A resistência ao consumo é transversal ao fenômeno, mas o estudo levanta questões que devem mobilizar futuros estudos: que outras razões movem seus adeptos? É uma prática restrita aos indivíduos privilegiados do hemisfério Norte? Há um esgotamento do consumismo em busca de novas formas de hedonismo ou apenas uma nova forma de consumir?


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427