A DINÂMICA ORGANIZACIONAL ESCOLAR E SUAS IMPLICAÇÕES NA QUALIDADE DA SAÚDE DOCENTE

Maria Sandra Montenegro

Resumo


Neste artigo apresentamos os resultados de uma investigação realizada com professores de escolas públicas, que estudavam no Curso de Pedagogia do Centro de Educação. O objetivo foi compreender como a dinâmica da organização escolar interferiu na qualidade da saúde e identificar os fatores de risco. Os dados demonstraram dois cenários explicativos e interligados nesta situação problemática: dificuldades oriundas da reestruturação capitalista do trabalho e de conflitos vivenciados no interior das escolas. Concluímos que algumas ações podem ser experimentadas nas escolas: discutir coletivamente sobre saúde, qualidade de vida no trabalho, desenvolvimento de alternativas facilitadoras do enfrentamento das pressões externas e internas. 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS: