Urutu: Riobaldo (mais do que)-ele-mesmo

Raul Azevedo de Andrade Ferreira

Resumo


Ao analisar como a narrativa de Riobaldo, narrador-protagonista de Grande Sertão: Veredas, deixa entrever as oscilações na trajetória de uma individualidade que busca reconhecer-se como tal, assim como superar as imposições de uma mentalidade de grupo (representada, no livro, pelas figuras dos jagunços e de seus chefes), este trabalho pretende fazer aproximações do romance de Guimarães Rosa com a poesia de William Blake, em Marriage Between Heaven and Hell,e o pensamento do filósofo Max Stirner, sempre tendo em vista os mecanismos utilizados pelo ego consciente para a obtenção da liberdade individual.

Texto completo:

PDF

Referências


ALIGHIERI, Dante. 2005. A Divina Comédia. trad. Vasco da Graça

Moura. São Paulo: Landmark.

BLAKE, William.1996. Selected poetry. New York: Oxford University

Press.

BLOOM, Harold. 1974. Los poetas visionarios del romantismo ingles.

Barcelona: Barral.

CANDIDO, Antonio. 1983. O homem dos avessos. In: – COUTINHO, Eduardo F. (org.). Guimarães Rosa: coleção fortuna crítica. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, pgs 294 - 309.

ELIOT, T.S. 2004. Poesia. trad. Ivan Junqueira. São Paulo: Arx.

GASSET, José Ortega y,. 1967. Meditações do Quixote. São Paulo,

Livraria Ibero-Americana.

MALLARMÉ, Stéphane. 2007. Poésies. Saint-Armand: Gallimard.

PLATÃO. 1962. Fedro. In: – Diálogos, vol. I; trad. Jorge Paleikat.

Porto Alegre, Globo.

QUEVEDO, Francisco. 2004. Sonetos de amor y otros poemas. Buenos Aires: Longseller.

ROSA, João Guimarães. 2001. Grande Sertão: Veredas. Rio de Janeiro, Nova Fronteira.

SCHOPENHAUER, Arthur. 2005. O mundo como vontade e como

representação; trad. Jair Barbosa. São Paulo: Editora UNESP.

STIRNER, Max. 1907. The ego and his own. New York, Tucker publisher.

VALÉRY, Paul. 2006. Tel quel. Saint-Armand: Gallimard.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.