O planejamento de um sistema de gestão da qualidade para instituição pública de ensino técnico

Rodrigo Antonio Rodrigues Alves, Marco Antonio Fernandes de Oliveira, Derli Luís Angnes

Resumo


Este artigo relata o planejamento e desenvolvimento de diretrizes para implementação de um sistema de gestão da qualidade e produtividade capaz de levar o Instituto Federal Farroupilha – Campus da cidade de Júlio de Castilhos/RS, Brasil, uma instituição pública que atua na área de ensino técnico-profissionalizante, a um nível de serviços de apto a ser formalmente reconhecido. A abordagem foi qualitativa, na modalidade estudo de caso. Procedeu-se, inicialmente, a um estudo dos modelos consagrados de gestão de qualidade e produtividade que conduzissem ao reconhecimento formal, sendo o Modelo de Excelência em Gestão (MEG) da Fundação Nacional da Qualidade considerado o mais compatível com a realidade da instituição. As práticas de gestão vigentes na instituição foram comparadas às preconizadas pelo modelo, identificando-se as não conformidades e, a partir desse estudo, fez-se a proposta do plano. Concluiu-se que sua implementação e o consequente reconhecimento do sistema são atingíveis, desde que bem trabalhados os critérios Liderança, Estratégias e Planos e Processos.


Palavras-chave


Gestão da qualidade e produtividade; Excelência em Gestão; Aperfeiçoamento Gerencial; Controle da Qualidade Total; Quality and productivity management; Excellence in Management; Improvement in Management; Total Quality Control

Texto completo:

PDF

Referências


BASSAN, H. Geração de riqueza em organizações vencedoras do PNQ: Uma análise usando o EVA. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de São Carlos, 2010.

BRITO, L. A. L.; CSILLAG J. M.; BRITO A. J. Performance, variability, and the relationship with TQM. In: 66th. Annual Meeting of the Academy of Management. Proceedings. Academy of Management. Atlanta, 2006

CAMPOS, V. F.. Qualidade total: padronização das empresas. Belo Horizonte: Fundação Cris-tiane Otoni, 1992.

CORREDOR, P.; GOÑI, S. Quality awards and performance: is there a relationship? The TQM Journal, v.22, n. 5, p. 529-538, 2010.

CROSBY, P. B. Qualidade - falando sério. São Paulo: McGraw Hill,1992.

CROSBY, P. B. Qualidade é investimento. Rio de Janeiro: José Olympio, 1999.

DEMING, W. E. Qualidade: a revolução da administração. Rio de Janeiro: Marques Saraiva, 1990.

FNQ - FUNDAÇÃO NACIONAL DA QUALIDADE. Critérios de excelência: o estado da arte da gestão para a excelência do desempenho. São Paulo, 2010a.

______. Critérios de excelência. São Paulo: FNQ, 2010b.

______. Rumo a excelência: critérios para a avaliação do desempenho e diagnóstico organi-zacional. São Paulo: FNQ, 2007.

GARVIN, D. A. Gerenciando a qualidade: a visão estratégica e competitiva. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1992.

GIANESI, I. G. N., CORRÊA, H. L. Administração estratégica em serviços: operações para a satisfação do cliente. 1. ed. São Paulo: Atlas, 1994

GODOY, A. S. Introdução à pesquisa qualitativa e suas possibilidades. Revista de Administra-ção de Empresas - RAE, v. 35, n.2, mar./abr., p.57-63, 1995.

JURAN, J. M. A qualidade desde o projeto: os novos passos para o planejamento da Qualida-de em produtos e serviços. São Paulo: Pioneira, 1992a.

______. Planejamento para qualidade. 2. ed. São Paulo: Pioneira, 1992b.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Metodologia do trabalho científico. São Paulo: Atlas, 1995.

MARTINS, P. G.; LAUGENI, F. P. Administração da produção (2. ed.). São Paulo: Saraiva, 2006.

MEZOMO, J. C. Educação e qualidade total: a escola volta às aulas. Rio de Janeiro: Vozes, 1993.

OLIVEIRA, M. A. F. Gestão estratégica de operações (notas de aula do mestrado profissio-nal em administração). Santa Cruz do Sul: UNISC, 2011.

PALADINI E. P. Qualidade total na prática. São Paulo: Atlas, 2005.

PIGNANELLI, A. O Impacto da adoção de critérios de excelência na maximização da riqueza dos acionistas. Administração da Produção, Logística e Operações Internacionais (Anais do IX Simpósio). São Paulo: SIMPOI, 2006.

PORTAL DA QUALIDADE da Associação Qualidade RS. Rio Grande do Sul 2010. Disponível em http://www.mbc.org.br/mbc/pgqp/. Acesso em: 30 abr. 2013.

SANTA CASA. Caminhada em busca da excelência. Porto Alegre/RS: Santa Casa de Mise-ricórdia, 2009. Disponível em: . Acesso: 10 Jan 2013.

PASCUAL, L. P. Trajetória para a excelência. Caxias do Sul/RS: Centro Tecnológico de Mecatrônica SENAI, 2006. Disponível em: . Acesso: 08 Mar 2013.

SLACK, N.; CHAMBERS, S.; HERLAND C. Administração da produção. São Paulo: Atlas, 1996.

SLACK, N.; LEWIS, M. Estratégia de operações (2. ed).. Porto Alegre: Editora Bookman, 2009.

______. Operations strategy (2 ed.). Upper Saddle River, NJ: Prentice Hall, 2002.

XAVIER, A. C. R. A gestão da qualidade e a excelência dos serviços educacionais: custos e benefícios de sua implantação. Brasília: IPEA, 1996

YIN, R. K. Estudo de Caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo
B5 - Interdisciplinar

 

Publicação e Apoio:

RMP está indexada em:

Instituições de referência para a RMP: