Interatividade no Ensino Superior: novos caminhos dos livros-jogos dentro e fora da sala de aula

Pedro Panhoca da Silva, Helena Bonito Couto Pereira

Resumo


Este relato de experiência buscou apresentar resultados positivos na aplicação de um livro-jogo aos alunos do curso de Educação Física do Centro Universitário Hermínio Ometto (UNIARARAS). A obra utilizada em questão foi O Herói da Copa (1994), considerado o “esboço” do livro-jogo brasileiro. Tomou-se como base para se classificar um livro como livro-jogo Alves (1997) em detrimento a Schick (1991) e Green (2014) por ser uma classificação mais abrangente que mais valoriza a leitura interativa do que detalhes nas estruturas narrativas das obras. Concluiu-se que a maioria dos alunos foi estimulada a desenvolver trabalhos sobre esse híbrido textual, e que tal iniciativa pode inspirar editoras a pensarem numa linha de livros-jogos de temática esportiva caso captem público para isso.


Texto completo:

p. 2

Referências


ABREU, M. Cultura letrada: literatura e leitura. São Paulo: Editora UNESP, 2006.

ALVES, M. A. Tudo o que o seu mestre mandar: a figuração do narrador e do leitor nos textos interativos. 1997. 225 f. Tese (Doutorado em Literatura Brasileira) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1997.

BLOOM, B. S. et al. Taxionomia de objetivos educacionais. Compêndio Primeiro: Domínio Cognitivo. Porto Alegre: Globo, 1972.

CAILLOIS, R. Os jogos e os homens: a máscara e a vertigem. Tradução de José Garcez Palha. Lisboa: Cotovia, 1990.

CARVALHO, W. T. Uso de uma aventura-solo como ferramenta didática para o ensino de análise combinatória. 2011. 93 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, Rio de Janeiro, 2011.

CHAGAS, J. J. T. Ensino de ciências e aprendizagem significativa sobre ecossistemas recifais. 2015. 145 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2015.

CHAGAS, J. J. T.; SOVIERZOSKI, H. H.; CORREIA, M. D. Avaliação de um livro-jogo como instrumento didático em ensino de ciências na abordagem do assunto ecossistemas recifais. Experiências em Ensino de Ciências, Maceió, v. 12, n. 5, p. 315-329, 2017.

GREEN, J. You are the Hero: A History of Fighting Fantasy Gamebooks. Haddenham: Snowbooks, 2014.

______. You are the Hero: Part 2 - A History of Fighting Fantasy Gamebooks. Oxfordshire: Snowbooks, 2017.

HUIZINGA, J. Homo ludens: o jôgo como elemento da cultura. Tradução de João Paulo Monteiro. São Paulo: Perspectiva: Editôra da USP, 1971.

JENKINS, H. Cultura da Convergência. Tradução de Susana Alexandria. 2.ed. São Paulo: Aleph, 2009.

LAJOLO, M. Literatura: leitores e leitura. São Paulo: Moderna, 2001.

MURRAY, J. H. Hamlet no Holodeck: o futuro da narrativa no ciberespaço. Tradução de Elissa Khoury Daher e Marcelo Fernandez Couzziol. São Paulo: Itaú Cultural: Unesp, 2003.

PERRENOUD, P. A prática reflexiva no ofício de professor: profissionalização e razão pedagógica. Porto Alegre: Artmed, 2002.

SANTOS, A. R. S.; MITSUUCHI, J. T. A. A utilização do livro-jogo para a resolução de problemas matemáticos nos anos iniciais. In: II ENLICSUL II PIBID/SUL II Seminário Institucional PIBID/Institucional. 2017a. Disponível em: < https://sigpibid.ufpr.br/site/uploads/institution_name/arquivo/Interdisciplinar%201/2054/2017.Art.PIBIDSUL.LivroJogo.pdf> Acesso 29 abr. 2019.

______. Livro-jogo e resolução de problemas nos anos iniciais proposta do PIBID interdisciplinar pedagogia e matemática. In: VII Congresso Internacional de Ensino de Matemática. 2017b. Disponível em: . Acesso 29 abr. 2019.

SCHICK, L. Heroic Worlds: A History and Guide to Role-Playing Game. Buffalo: Prometheus Books, 1991.

SCHÖN, D. Formar professores como profissionais reflexivos. In: NÓVOA, António (Org.). Os professores e a sua formação. Lisboa: Publicações Dom Quixote/Instituto de Inovação Educacional, 1992.

SILVA, C. B. O uso da aventura solo RPG na formação de professores com foco na avaliação da aprendizagem. 2015. 95 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica, São Paulo, 2015.

SILVA, P. P. A premonitory gamebook: O Herói da Copa (1994). Alarums & Excursions, fev, n.508, 2018. Paginação irregular.

TODOROV, T. A literatura em perigo. Trad. Caio Meira. Rio de Janeiro: DIFEL, 2009.

UNESCO. Recommendation concerning the International Standardization of Statistics Relating to Book Production and Periodicals. Disponível em: . Acesso 23 abr. 2019.

VASCONCELOS. M. L. M. C. Docência e autoridade no ensino superior: uma introdução ao debate. In: TEODORO, A.; VASCONCELOS, M. L. M. C. (Orgs.). Ensinar e aprender no Ensino Superior: por uma epistemologia da curiosidade na formação universitária. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2012.

VIDES, A. O Herói da Copa. Rio de Janeiro: Marques Saraiva, 1994.

WARD, M. J. Destined for greatness. [?] Maio 2016. Entrevistador: Stuart Lloyd. Internet: Fighting Fantazine, maio, n.15, p.22-31, 2016. Disponível em: < http://www.fightingfantazine.co.uk/page/>, Acesso 24 abr. 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Cadernos de Estudos e Pesquisa na Educação Básica

Indexadores: