A PESQUISA COMO ESPAÇO DE REFLEXÃO NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE GEOGRAFIA

Valdemira Pereira Canêjo de Andrade, Francisco Kennedy Silva dos Santos

Resumo


Os caminhos da pesquisa, tanto no processo de formação dos licenciandos em Geografia quanto na prática docente, são elementos fundamentais para a criação de percepções que acabam criando possibilidades para a formação e prática pedagógica do professor. As reflexões, aqui tratadas, são resultados de um estudo de investigação inicial de pesquisa do mestrado, tendo desafio deste artigo compreender no tocante a prática da pesquisa como espaço de reflexão no processo de formação docente em Geografia e o papel desta como relevante para com o campo de atuação.  Portanto, na tessitura da ação metodológica optou-se pela pesquisa qualitativa de cunho bibliográfico, realizando um aprofundamento teórico e documental, na tentativa de discutir com os autores a temática em tela. A pesquisa é uma continuidade, quando encarada como possibilidade de permitir reconfigurações e releituras das práticas.


Palavras-chave


Formação de professores; Ensino Superior

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.51539/2594-9616.2018.240439



INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos: a) Autores mantém os direitos autorais e concedem à  revista o direito de primeira publicação, com o trabalho licenciado sob a Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. b) Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado. c) Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de uso gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais.