O CURRÍCULO EM MOVIMENTO ENQUANTO POLÍTICA PÚBLICA E O ENSINO DE GEOGRAFIA VOLTADO PARA A CIDADANIA E A SUSTENTABILIDADE

Maria Solange Melo de Sousa, Marília Luíza Peluso

Resumo


O artigo discutirá a importância de ações pedagógicas que trabalhem os conhecimentos geográficos de forma interdisciplinar e explorando os temas transversais de cidadania, diversidade e sustentabilidade. A discussão será permeada pela análise de documentos como o Currículo em Movimento das Escolas Públicas, o Projeto Político Pedagógico Carlos Mota, ambos da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal, o Projeto Político Pedagógico de uma escola pública, localizada em Taguatinga, Região Administrativa do Distrito Federal, o Centro Educacional 04; pesquisa bibliográfica de autores que tratam de temas diversos relacionados às políticas públicas, às práticas pedagógicas, às questões sociais e aos conhecimentos geográficos; e, na apresentação de uma ação pedagógica realizada em uma escola pública, para fundamentar as argumentações desenvolvidas ao longo do artigo. A discussão tem por objetivo entender que a autonomia na construção do conhecimento geográfico é possível por meio de ações proativas que valorizem o desenvolvimento da aprendizagem em uma abordagem interdisciplinar. O resultado da investigação mostra que a ação pedagógica realizada na escola, corroborou na análise dos temas discutidos e que a formação cidadã plena perpassa pela compreensão dos valores éticos, de respeito à diversidade e na   promoção de uma sociedade sustentável.


Palavras-chave


Cidadania; Currículo em Movimento; Diversidade; Geografia; Sustentabilidade.

Texto completo:

PDF

Referências


BOTELHO, Denise; NASCIMENTO, Wanderson Flor do. Celebração móvel: políticas públicas, transversalidade e interseccionalidade de gênero e raça. In: SANTOS, Debora Silva; GARCIA-FILICE, Renísia Cristina; RODRIGUES, Ruth Meyre Mota. A transversalidade de gênero e raça nas políticas públicas: limites e possibilidades. Brasília, 2016.

CRUZ, Fernanda Natasha Bravo; DAROIT, Doriana. Dos nexos efêmeros ao fazer estado: ensaio sobre transversalidade em conferências nacionais de políticas públicas. NAU Social, v. 8, n. 15, 2017. Disponível em: http://www.periodicos.adm.ufba.br/index.php/rs/article/view/681/497. Acesso em 25 out 2018.

DISTRITO FEDERAL. Secretaria de Estado de Educação: Currículo em Movimento da Educação Básica – Ensino Médio, Departamento de Pedagogia, 2012.

___________ Secretaria de Estado de Educação: Currículo em Movimento da Educação Básica – Pressupostos teóricos, Departamento de Pedagogia, 2012.

___________ Secretaria de Estado de Educação: Projeto Político Pedagógico do Centro Educacional 04 de Taguatinga, 2016.

___________ Secretaria de Estado de Educação: Projeto Político Pedagógico das Escolas Públicas do DF – Carlos Mota, 2011.

CAVALCANTI, Lana de Souza. Ensino de Geografia e demandas contemporâneas: práticas e formação docentes. In: ALVES, Adriana Oliveira e KHAOULE, Ana Maria kavacs (orgs). A Geografia no cenário das políticas públicas educacionais. Goiânia: C&A Alfa & Comunicação, 2017. p. 18-19

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia. 36ª edição – São Paulo: Paz e Terra, 1996.

LASCOUMES, Pierre; LE GALÊS, Patrick. Sociologia da Ação Pública: A entrada chave das políticas públicas. EDUFAL, Maceió, 2012

MBEMBE, Achille. A era do humanismo está terminando. Opera Mundi. De, v. 10, 2017 Disponível em: http://www.ihu.unisinos.br/564255-achille-mbembe-a-era-do-humanismo-esta-terminando. Acesso em 18 set 2018.

MELLO, Guiomar Namo de. Currículo da Educação Básica no Brasil: Concepções e políticas, set 2014. Microsolft Word – 20140926@historicoCurricularBrasil_final.doc. Disponível em:

movimentopelabase.org.br/wp-content/imploads/2015/09/guiomar_pesquisa.pdf. Acesso em: 28 ago 2019.

PIAGET, Jean e GRÉCO, Pierre. Aprendizagem e Conhecimento. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1974.

SACHS, I. Desenvolvimento includente, sustentável, sustentado. Rio de Janeiro: Garamond, Universitária/SEBRAE. 2004. 151 p.

SANTOMÉ, J. T. Globalização e interdisciplinaridade: o currículo integrado. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

SANTOS, Milton. O país distorcido. In: Por uma Globalização mais Humana. Folha online, São Paulo, 15 ago de 2019. Caderno Publifolha. Disponível em: www1.folha.uol.com.br/folha/publifolha/ult10037u351805.shtml. Acesso em 22 abr 2019.




DOI: https://doi.org/10.38187/regeo2019.v2n2id240743



INDEXADORES E BASE DE DADOS