O Uso da Opinião do Consumidor como Indicador de Competitividade: o Caso do Mercado de Fermentos

Lélis Balestrin Espartel

Resumo


Competitividade e vantagem competitiva têm ocupado papel central na administração estratégica
de marketing empreendida pelas empresas para enfrentar a atual dinâmica de mercado.
Entretanto, tanto os modelos que avaliam a criação  e manutenção de vantagem competitiva
quanto os que avaliam diretamente a competitividade de empresas e suas marcas pecam por
atribuir importância marginal ao papel dos clientes na avaliação da competitividade. O artigo
procura preencher esta lacuna na medida em que reforça a discussão sobre a importância do
cliente no incremento da competitividade da empresa, na criação de valor e no desenvolvimento de
vantagens competitivas sustentáveis, e propõe um conjunto de indicadores, em diferentes estágios
do processo de decisão de compra, baseados na opinião do consumidor a respeito da marca. São
apresentados resultados de uma pesquisa feita junto ao mercado de fermentos, com a avaliação
competitiva da atuação de quatro marcas no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Os resultados
atestam que os indicadores utilizados na análise são adequados para ambos os mercados.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


..................................................................................................................................................................................................................................................................................