ARRANJO PRODUTIVO LOCAL DA PISCICULTURA NO CASTANHÃO: UM MEIO PARA DISSEMINAÇÃO DE PRÁTICAS E CONHECIMENTOS SOBRE SUSTENTABILIDADE - Castanhão Pisciculture Cluster: A Means For Dissemination Of Practices And Knowledge About Sustainability

Adriana Teixeira Bastos, Cláudio César Torquato Rocha, Fátima Regina Ney Matos

Resumo


O objetivo deste artigo é caracterizar os elementos que compõem o APL da piscicultura do Açude Castanhão: aglomerado, estrutura de governança e apoio público, em que se admite que se realiza o processo de aprendizagem de práticas e conhecimentos sobre sustentabilidade. A abordagem metodológica adotada foi qualitativa, com o emprego da técnica de análise de narrativa. Para a coleta de dados, empregou-se a entrevista, a análise documental e a observação simples. A pesquisa evidenciou a existência de aglomeração de empresas/associações/cooperativas especializadas, funcionando de maneira relativamente organizada, baseadas em interações e mecanismos de coordenação, realizado principalmente por entes públicos como a PMJ, o DNOCS, o SEBRAE e a SEAGRI/SDA. Portanto, não se trata somente de aglomeração física de empresas mantendo encontros casuais, mas da ação de atores coordenados por entidades governamentais e não governamentais, com algumas ações de governança, que aos poucos evolui para um tipo moderado, que representam um fraco, mas persistente apoio público.

http://dx.doi.org/10.21714/1679-18272018v16n2.p103-115


Texto completo:

PDF 103-116

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


..................................................................................................................................................................................................................................................................................