Será Que Ele É? Onde Estamos? A midiatização de um "discurso proibido"

Antônio Fausto Neto

Resumo


Na madrugada de 12 para 13 de agosto, a programação da Rede Globo é repentinamente alterada pela encenação de um acontecimento, pela chancela do discurso jornalístico, pela presença de uma espécie de um "discurso proibido". Antes da emissão 'Altas Horas', programa semanal, espécie de talk show ameno apresentado na madrugada de domingo - estava sendo exibido o filme "Será que ele é?", dentro da Sessão Supercine. Pelo menos, na sua formulação em português, o título poderia guardar alguma contiguidade com a encenação do discurso que interceptaria, logo em seguida, o fluxo da programação. Formulado na forma interrogativa, guardaria, ironicamente, uma certa associação com o acontecimento que se "instalaria" subitamente, entre a película e o talk show. De que trataria, afinal, esta emissão interveniente?

Texto completo:

PDF

Referências


ASSOUN, Paul-Laurent. O real em psicanálise: à prova do olhar e da voz. In.: O olhar e a voz. Lições psicanalíticas sobre o olhar e a voz. Rio de Janeiro: Companhia de Freud, 1999.

CARLON, Mario. Sobre lo televisivo - dispositivos, discursos y sujectos. Buenos Aires: Crujía, 2004.

FAUSTO NETO, Antônio. O porta-voz - Um dia eu digo que sim. Outro dia eu digo que não. Humanidades, nº 16. Brasília, 1998.

FOUCAULT, Michel. Resumo dos Collège de France. Rio de Janeiro: Zahar, 1997.

GOMES, Pedro Gilberto. A midiatização no processo social. In.: Filosofia e ética da comunicação na midiatização da sociedade. São Leopoldo: Unisinos, 2006.

LACAN, Jacques. O simbólico, o imaginário e o real. In.: Nomes-do-pai. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2005.

SODRÉ, Muniz. Estratégias visíveis. Afeto, mídia e política. Petrópolis: Vozes, 2006. p.110.

THOMPSON, John B. La nouvelle visibilité. In: Réseaux nº 129-130, Paris: Lavoisier, 2005.

VERÓN, Eliseo. Semiosis de la mediatizacion. Seminario Internacional Media and Social Perceptions. Rio de Janeiro, 18 a 20 de maio, 1998.

VERÓN, Eliseo. Esquema para el análisis de la mediatización. Revista Diálogos, nº 48, Lima: FELAFACS, 1997.

VERÓN, Eliseo. El living y sus dobles. Arquitecturas de la panatalla chica. In.: El cuerpo de las imágenes. Buenos Aires: Norma, 2001. p.15.

VERÓN, Eliseo. Le sejour et ses doubles: architectures du petit écran. Paris: Temps Libre, nº 11, 1984.

ZIZEK, Slavoj. Multiculturalismo, ou a lógica cultural do capitalismo multinacional. In: DUNKER, Christian (org.). Zizek Crítico - Política e psicanálise na era do multiculturalismo. São Paulo: Editora Hacker, 2005.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License

A Revista Ícone está sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial CC BY-NC 4.0.

Diretórios e Indexadores: Sumários, LivRe/CNEN, Periódicos UFPE, .periódicos. CAPES (em atualização).

Classificação de Periódicos 2013-2016, CAPES: B4 (Comunicação e Informação)

© 1996-2017 Revista Ícone
Programa de Pós-Graduação em Comunicação, UFPE
Av. da Arquitetura, s/n – Cidade Universitária
CEP 50.740-550 Recife (PE), Brasil