Da Alegoria Continental às Jornadas Interiores: o road movie latino-americano contemporâneo

Ângela Prysthon

Resumo


Assim como a literatura de viagem está geralmente associada à expansão do colonialismo europeu, o road movie é normalmente definido como um gênero cinematográfico norte-americano por excelência - aquele ao qual pertencem Easy Rider, Thelma and Louise, Lost Highway, só para mencionar alguns dos mais emblemáticos. O propósito deste artigo é comparar algumas apropriações deste gênero na América Latina. Algumas que exacerbam o caráter alegórico das viagens pelo continente (como El Viaje (1992) de Pino Solanas, Guantanamera (1996) de Tomás Gutierrez Alea e Diários de Motocicleta (2003) de Walter Salles), outras que buscam através de um maior intimismo revelar as singularidades dos seus personagens viajantes, como Terra Estrangeira (1993) de Walter Salles Jr. e alguns filmes dos anos 2000 que optam por esse segundo registro: Y tu mamá también (2001) de Alfonso Cuarón e Historias Mínimas (2002) de Carlos Sorín.

Texto completo:

PDF

Referências


APPADURAI, Arjun. La modernidad desbordada. Dimensiones culturales de la globalización. Buenos Aires: Fondo de Cultura Econômica, 2001.

BENNETT, David (ed.). Multicultural States. Rethinking Difference and Identity. London/New York: Routledge, 1998.]

BHABHA, Homi K. O local da cultura. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 1998.

CLIFFORD, James. Routes. Travel and translation in the late twentieth century. Cambridge/London: Harvard University Press, 1997.

FREIRE, Janaína Cordeiro. Identidade e exílio em terra estrangeira. Recife: PPGCOM - UFPE, 2004. (Dissertação de mestrado)

GETINO, Octavio. Cine argentino. Entre lo posible y lo deseable. Buenos Aires: Ciccus, 1998.

GUEVARA, Che. The Motorcycle Diaries. A Journey Through South America. London: Fourth State, 1995.

GUTIÉRREZ ALEA, Tomás. Entrevista (Publicada em La Gaceta de Cuba, Havana, setembro/outubro de 1993.) (http://www.clubcultura.com/clubcine/clubcineastas/titon/)

JAMESON, Fredric. Espaço e imagem. Teorias do pós-moderno e outros ensaios. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ, 1994

JAMESON, Fredric. As marcas do visível. Rio de Janeiro: Graal, 1995

KING, John. Magical Reels. A History of Cinema in Latin America. London/New York: Verso, 1990.

LARSEN, Neil. Reading North by South. On Latin American Literature, Culture, and Politics. Minneapolis/London: University of Minnesota Press, 1996.

SHIEL, Mark, FITZMAURICE, Tony. Cinema and the City. Film and Urban Societies in a Global Context. Oxford: Blackwell, 2001.

SHOHAT, Ella, STAM, Robert. Multiculturalismo, cine y medios de comunicación. Crítica del pensamiento eurocéntrico. Barcelona: Paidós, 2002.

YÚDICE, George. “Postmodernism in the Periphery”, The South Atlantic Quarterly, 92:3 (Summer 1993), 543-56.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License

A Revista Ícone está sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial CC BY-NC 4.0.

Diretórios e Indexadores: Sumários, LivRe/CNEN, Periódicos UFPE, .periódicos. CAPES (em atualização).

Classificação de Periódicos 2013-2016, CAPES: B4 (Comunicação e Informação)

© 1996-2017 Revista Ícone
Programa de Pós-Graduação em Comunicação, UFPE
Av. da Arquitetura, s/n – Cidade Universitária
CEP 50.740-550 Recife (PE), Brasil