Bartleby, o Fotógrafo: notas sobre a negatividade nas imagens fotográficas

Paulo Carvalho

Resumo


Estas são algumas notas em que levanto hipóteses sobre as condições de possibilidades da enunciação da inapetência. Busco através de certa sintomatologia da negatividade analisar não apenas o discurso de personagens literários como Bartleby, de Herman Melville, mas aquilo que está agenciado a este dizer, sem contudo ser-lhe correspondente ou representante. Procuro um plano dos visíveis, uma arquitetura assignificante, como pode vir a ser a maneira indicial de abordar a imagem fotográfica. Trata-se de uma busca sobre a produção e a rejeição de subjetividades inapetentes; de como a negatividade pode tanto vir a restabelecer o giro vazio dos dispositivos em torno de suas formas de expressão e conteúdo, como pode produzir pequenas rupturas nessas relações, acenar para linhas de fuga.

Palavras-chave


inapetência; fotografia; tédio; teoria da imagem; literatura

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Creative Commons License

A Revista Ícone está sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial CC BY-NC 4.0.

Diretórios e Indexadores: Sumários, LivRe/CNEN, Periódicos UFPE, .periódicos. CAPES (em atualização).

Classificação de Periódicos 2013-2016, CAPES: B4 (Comunicação e Informação)

© 1996-2017 Revista Ícone
Programa de Pós-Graduação em Comunicação, UFPE
Av. da Arquitetura, s/n – Cidade Universitária
CEP 50.740-550 Recife (PE), Brasil