A relação entre a Controladoria e a Administração: Especialização ou Invasão de Área?

Jéssica Santos de Assunção, Aécio Cristóvão Pereira de Melo, Gabriela Fernanda de Fernanda Alcântara Valença Paiva

Resumo


Diante do distanciamento empírico observado entre os administradores e contadores, tem surgido diversas áreas, uma delas é a controladoria. Com base nesta evidência, o objetivo deste estudo é discutir se controladoria figura como uma nova profissão ou um avanço em especialização da Administração e/ou da Contabilidade, tendo por objetivos secundários definir e sumarizar as funções da administração, contabilidade e controladoria. Para isso, realizou-se uma revisão acerca das funções de cada área, tentando entender os limites de cada profissional e quais os elementos essenciais para formação de uma profissão, de acordo com a visão funcionalista da teoria das profissões. Foi montado um corpus, para evidenciar as funções, a partir de artigos científicos publicados no período de 2008 a 2013, nos sites Spell e o Scielo, dissertação, tese e livros, totalizando 12 arquivos analisados. Foi considerado os textos que tratavam das funções da controladoria, de forma empírica e não apenas conceitual. O resultado mostrou que segundo a visão funcionalista da sociologia das profissões, a controladoria não se enquadra ainda como profissão, por ausência de elementos essenciais, tais como: conhecimento estruturado, código de ética e associações profissionais. Visualizou-se também que ela extrapola o limite da contabilidade, e adentra na área da administração, isso acontece pela falta de consenso quanto as suas funções e área de atuação. Neste sentido, este estudo contribui para o entendimento das funções da administração e sua vinculação com saberes emergentes, especificamente controladoria.


Palavras-chave


Administração; Controladoria; Contabilidade

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, F. J. S. et al. Um estudo empírico sobre a importância do código de ética profissional para o contabilista. Revista Contabilidade & Finanças, Ed. Esp. 30 anos de Doutorado, p. 58-68, jun., 2007.

ANGELIN, E. P. Profissionalismo e profissão: Teorias sociológicas e o processo de profissionalização no Brasil. Revista Espaço de Diálogo e Desconexão, v. 3, n. ), Jul./Dez., 2010.

BEUREN, M. I; GOMES, E.C.O; LUZ, R. M. Motivações para implanter a área organizacional de controladoria em grandes empresas. Gestão e Regional, v.28, n 82, Jan./Abr., 2012.

BORINELLI, M. L. Estrutura conceitual básica da controladoria: sistematização à luz da teoria e da práxis. Tese (doutorado em Ciências Contábeis) - Universidade de São Paulo - USP, São Paulo, 2006.

CHIAVENATO, I. Princípios de administração: o essencial em teoria geral da administração. Rio de Janeiro: Elsevier, 2006.

CHING, H. Y.; MARQUES, F.; PRADO, L. Contabilidade e finanças para não especialistas. 3 ed. São Paulo: Pearson Prentice, 2010.

DUQUE, C. O perfil profissional do controller e as funções de controladoria: um estudo atual necessidade do mercado de trabalho. Dissertação (mestrado em Ciências Contábeis) – Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.

FAYOL, H. Administração industrial e geral: previsão, organização, comando, coordenação, controle. 10. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

FERNANDES, F. C.; KLANN, R. C.; FIGUEREDO, M. S. A utilidade da informação contábil para a tomada de decisões: Uma pesquisa com gestores alunos. Revista Contabilidade Vista & Revista, v. 23, n. 3, p. 99-126, Jul./Set., 2011.

FERRARI, M. J. et al. O perfil do controller sob a ótica do mercado de trabalho brasileiro. Revista de Informação Contábil, 7, p. 25-50, Jul-Set., 2013.

FOUCAULT, M. A Arqueologia do Saber. 7. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008.

FRANCIA, A. J. Managerial accounting. 9. ed. Houstom: Dame Publications, 1999.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2002.

IUDÍCIBUS, S. Contabilidade introdutória. 11 ed. São Paulo: Atlas, 2010.

JIAMBALVO, J. Contabilidade gerencial. Rio de Janeiro: LTC, 2009.

KANITZ, S. C. Controladoria: teoria e estudos de caso. São Paulo: Pioneira, 1976.

LUNKES, J. R. et al. Análise da legitimidade sociopolítica e cognitiva da controladoria no Brasil. Revista Contabilidade Financeira, v. 23, n. 59, p. 89-101, maio/jun./jul./ago., 2012.

LUNKES, J. R; SCHNORRENBERGER, D; ROSA, F.S. Funções da controladoria: uma análise no cenário brasileiro. Revista Brasileira de Gestão de Negócios v.15. São Paulo, 2013.

MAMBRINI, A.; COLAUTO, R. D. e BEUREN, I. M. Papel da controladoria no redesenho da gestão na perspectiva dos processos em empresa familiar. Revista Enfoque Reflexão Contábil, v.23, n.2, p.5-13, julho/dezembro, 2004.

MARION, J. C. Contabilidade empresarial. 13 ed. São Paulo: Atlas, 2007.

MAXIMIANO, A. C. A. Introdução à administração. 6. ed. rev. e ampl. São Paulo: Atlas,2007.

MAXIMIANO, A. C. A. Introdução à administração. ed. compacta. 1. ed. 2. reimpr. São Paulo: Atlas,2008.

MINTZBERG, H.; GOSLING, J. Educando administradores além das fronteiras. Revista de Administração de Empresas (RAE), v. 43, n. 2, Abr/Mai/Jun, 2003.

MOSIMANN, C.P.; Fisch, S. Controladoria. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

MOTTA, F. C. P. Teoria das organizações: evolução e crítica. 2. ed. rev. e ampl. São Paulo: Pioneira Thomson Learnin, 2003.

NUNES, E.; CARVALHO, M. M. Ensino Universitário, Corporação e Profissão: Paradoxos e dilemas brasileiros. Sociologias, ano 9, n. 17, p. 190-215, mai./jun., 2007.

OLIVEIRA, D. P. R. de. Sistemas, organização e métodos: uma abordagem gerencial. 11. ed. São Paulo: Atlas, 2000.

PADOVEZE, C. L. Controladoria estratégica e operacional: conceitos, estrutura, aplicação. São Paulo: Thomson Learning, 2007.

PIRES, D. A enfermagem enquanto disciplina, profissão e trabalho. Revista Brasileira de Enfermagem, p. 739-744, setembro/outubro, 2009.

PUNG, D. S.; HICKSON, D. J. Os teóricos das organizações. Organizadores. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2004.

RODRIGUES, F. X. F. A sociologia das profissões e a sociologia do esporte: Profissionalização e mercado de trabalho no futebol Gaúcho. Disponível em: . Acesso em: 13 jun. 2014.

SANTOS, A. F. A importância da disciplina contabilidade e planejamento tributário no curso de administração. In: Seminários em Administração (SEMEAD), XIV, 13-14 Out., São Paulo (SP), 2011.

TAYLOR, F. W. Princípios da administração científica. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2008.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Submissão ABERTA para a próxima edição. Acesse as Diretrizes para Autorese envie-nos seu texto!