A variação no sistema preposicional do Português do Brasil

Virginia Garrido Meirelles

Resumo


A língua falada no Brasil é notoriamente diferente daquela descrita pela gramática tradicional
(GT). Assim, a gramática prescritiva não prevê a variação do sistema preposicional, mesmo quando os
falantes do Português do Brasil (PB) omitem a preposição em diferentes contextos sintáticos. No caso
especifico das orações relativas, a GT admite apenas uma forma de relativização, porém, na realidade,
três estratégias são utilizadas. Apenas duas destas estratégias são preposicionadas, sendo a relativa que
não usa preposição a mais freqüente. Na nossa pesquisa buscamos estabelecer as regras que motivam a
omissão da preposição no PB, e assim apresentar uma alternativa à análise da GT.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Autor, concedendo à revista o direito à primeira publicação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN:1984-7408

 

Licença Creative Commons
Esta revista possui trabalhos licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.