O esvaziamento do sujeito e o processo de modernização em um conto de Caio Fernando Abreu

Ana Teixeira Porto

Resumo


Este trabalho apresenta um estudo sobre o esvaziamento do sujeito e o processo de modernização
no conto A Margarida Enlatada, de Caio Fernando Abreu. Este texto procura destacar traços característicos
dos personagens, demonstrando um desequilíbrio de valores afetivos e materiais que comprovam
um esvaziamento dos sujeitos engajados no processo de modernização. Também são ressaltados os
objetivos e estratégias da indústria cultural que se refletem na caracterização e nas ações dos personagens,
visando a enfatizar estes aspectos, acentuados com o processo de modernização no século XX, que
acabam interferindo no processo de constituição dos sujeitos.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Autor, concedendo à revista o direito à primeira publicação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN:1984-7408

 

Licença Creative Commons
Esta revista possui trabalhos licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.