A mão do Rei e a férula papal

Carlos Ziller Camenietzki

Resumo


Em meio às tensões envolvendo a jurisdição eclesiástica e a real e civil no início do século XVII, o Desembargador e poeta Gabriel Pereira de Castro lançou um questionamento vigoroso às teses de Francisco Suarez SJ sobre a supremacia do Rei em matéria do direito civil. Estava em foco o posicionamento de Suarez quanto à independência dos tribunais eclesiásticos diante do poder real e as consequências da supremacia papal em matéria espiritual. O debate não se alongou muito devido à morte do jesuíta, mas sua análise revela uma dimensão ibérica de uma tensão marcante na formação do Estado Moderno.


Palavras-chave


Regalismo português; Gabriel Pereira de Castro; Francisco Suárez

Texto completo:

PDF

Referências


ASCH, Ronald; DUCHHARDT, Heinz. El Absolutismo, un mito?. Barcelona: Idea, 2000.

ALONSO, Santiago. El Pensamiento Regalista de Francisco Salgado de Somoza (1595-1665). Salamanca: CSIC, 1973.

AZOR, Juan. Institutionum moralium. Lyon: Cardon, 1613.

BENTES MONTEIRO, Rodrigo. O rei no espelho. São Paulo: Hucitec, 2002.

BOURKE, Richard e SKINNER, Quentin (orgs). Popular soveraignty in historical perspective. Cambridge: CUP, 2016

CALAFATE, Pedro. Da origem popular do poder ao direito de resistência. Lisboa: Esfera do Caos, 2012

CHERUBINI, Laertio. Magnum bularium romanum, tomo II. Lyon: Borde, Arnaud, 1697, p. 612-22.

CORREIA, Luís. Relectio ad caput inter alia de immunitate ecclesiarum. Porto: João Rodrigues, 1626.

COSANDEY, Fanny; DESCIMON, Robert. L'absolutisme en France. Paris: Seuil, 2002.

COZZI, Gaetano. Paolo Sarpi tra Venezia e Europa. Turim: Einaudi, 1979

DE MELLO E SOUZA, Laura. O Sol e a Sombra. São Paulo: Companhia das Letras, 2007

DE OLIVA E SOUSA, Feliciano. Tractatus de Foro Ecclesiae. Coimbra, 1649.

DE SOUSA, António. Relectio de Censuris Bullae Coenae. Lisboa: Pedro Craesbeeck, 1615.

FRAJESE, Vittorio. Sarpi Scettico. Stato e chiesa a Venezia tra cinque e seicento. Bolonha: Mulino, 1994.

GUIMARÃES PINTO, António. Humanismo e controvérsia religiosa. Lusitanos e anglicanos. Lisboa: INCM, 2006.

HENSHALL, Nicholas. The Myth of Absolutism. Londres: Longman, 1992.

HESPANHA, António Manuel. As vésperas do Leviathan. Coimbra: Almedina, 1994.

LE ROY LADURIE, Emmanuel. L'Etat Royal. Paris: Hachette, 1987.

LOPEZ, Juan Luis. Historia Legal de la Bula Llamada In Coena Domini. Madri: Gabriel Ramirez, 1748.

MARCOCCI, Giuseppe. I Custodi della Ortodossia. Roma: Edizioni di Storia e Letteratura, 2004.

MARCOCCI, Giuseppe; PAIVA, José Pedro. História da inquisição portuguesa. Lisboa: Esfera dos Livros, 2013.

MOTTA, Franco. Bellarmino. Una teologia política della Controriforma. Brescia: Morcelliana, 2005.

PEREIRA DE CASTRO, Gabriel. Ulissea. Lisboa: Calouste Gulbenkian, 2000.

PEREIRA DE CASTRO, Gabriel. Monomachia sobre as Concordias que fizeram os Reys com os prelados de Portugal nas duvidas da jurisdiçam eclesiastica e temporal. Lisboa: José Francisco Mendes, 1738.

PRODI, Paolo. Il sovrano pontefice. Bolonha, 1982.

PRODI, Paolo. Uma história da Justiça. Lisboa: Estampa, 2002.

PROSPERI, Adriano. Tribunali della coscienza. Turim: Einaudi, 1996.

SALGADO DE SOMOZA, Francisco. Tractatus de Regia protectione vi oppressorum appellantium a causis et judicis ecclesiasticis. Lyon: Prost, 1627.

SANGALLI, Maurizio. Cultura, politica e religione nella Repubblica di Venezia tra cinque e seicento. Veneza: Istituto Veneto di Scienze Lettere ed Arti, 1999.

SARPI, Paolo. Historia Particolare delle Cose passate tra il Sommo Pontefice e la Serenissima Republica di Venezia. Lyon, 1624

SUÁREZ, Francisco. Defensio Fidei catholicae et apostolicae adversus anglicanae sectae errores. Coimbra: Diogo Gomes Loureiro, 1613.




DOI: https://doi.org/10.22264/clio.issn2525-5649.2018.36.2.01

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 .

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Indexadores:

                    

                                   

 

eISSN: 2525-5649  Av. da Arquitetura, s/n CFCH-10°Andar, CDU - Recife-PE - CEP: 50740-550 Fone:+55(81)2126-8292  editorclio@gmail.com

                                                                                                                                                                         desde 20. Set. 2018  Contador de visitas