QUIMERA AMAZÔNICA: ARTE, MECENATO E COLECIONISMO EM BELÉM DO PARÁ, 1890-1910

Aldrin Moura de Figueiredo

Resumo


Este artigo analisa a constituição do mercado de arte em Belém do Pará no contexto da chamada belle-époque, entre as décadas de 1890 e 1910. A partir dos debates locais sobre arte e a importância do mecenato estatal, analisamos também o processo de formação das coleções de arte particulares, dos círculos intelectuais da arte, assim como das pinacotecas públicas e dos fundamentos históricos que nortearam o colecionismo paraense da época.

Palavras-chave: Arte, Mecenato, Colecionismo, Intelectuais, Amazônia.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 .

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Indexadores:

             


                          

 

 

  Endereço: Avenida da Arquitetura, s/n, Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) - 10º andar, CEP: 50740-550, Cidade Universitária, Recife-PE, Brasil. Email: editorclio@gmail.com. Fone: +55 (81)2126-8291