Na gigantesca floresta de metais: o Engenho Central São Pedro do Pindaré e os debates sobre a lavoura maranhense no século XIX

Francivaldo Alves Nunes

Resumo


Este artigo recupera os debates que envolveram políticos, lavradores e intelectuais sobre o processo de implantação do engenho central de São Pedro, localizado no vale do rio Pindaré, província do Maranhão, nas últimas décadas do século XIX. A partir dos registros deixados em relatórios governamentais de ministros e presidentes de províncias, dos debates produzidos por deputados, dos anúncios e matérias presentes em jornais e almanaques, procuramos compreender esse momento, que tem na implantação destes novos empreendimento, ação importante para defesa dos interesses dos grandes proprietários de terra e comerciantes.

Palavras-chave


Engenho Central, Agricultura, Maranhão

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Alfredo Wagner Berno de. A ideologia da decadência: leitura antropológica a uma história de agricultura do maranhão. Rio de Janeiro: Editora Casa 8/Fundação Universidade do Amazonas, 2008.

ARAÚJO, Tatiana Brito de. Os engenhos centrais e a produção açucareira no Recôncavo Baiano. Salvador: FIEB, 2002.

CALDEIRA, José de Ribamar Chaves. Origens da indústria no sistema agroexportador maranhense: 1875-1885. Tese (Doutorado) - Departamento de Sociologia da Universidade de São Paulo. São Paulo: USP, 1988.

CANABRAVA, Alice. A grande lavoura. In: HOLANDA, Sérgio Buarque de (Ed.) História Geral da Civilização Brasileira. O Brasil Monárquico – Declínio e queda do Império. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1995.

CARVALHO, Carlos Jesus de. Ascensão e crise da economia açucareira. São Luís: Eduema, 2015.

CUNHA, Gaudêncio. Álbum do Maranhão: 1908. São Luís: SEEDUC, 1988.

EISENBERG, Peter L. Modernização sem mudança: A indústria açucareira em Pernambuco (1840-1910). Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977, p. 260-261.

HARDMAN, Francisco Foot. Trem-Fantasma: A ferrovia Madeira-Mamoré e a modernidade na selva. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

MARQUES, César Augusto. Dicionário histórico - geográfico da Província do Maranhão. Rio de Janeiro: Fon-Fon e Seleta, 1970.

MEIRA, Roberta Barros. Bangüês, Engenhos Centrais e Usinas: O desenvolvimento da economia açucareira em São Paulo e a sua correlação com as políticas estatais (1875- 1941). Dissertação de Mestrado em História Econômica, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.

PERRUCI, Gabriel. A República das Usinas. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1978.

VIVEIROS, Jerônimo de. História do comércio do Maranhão, 1612-1895. São Luis: Associação Comercial do Maranhão, 1954.

VIVEIROS, Jerônimo de. O Engenho Central São Pedro. Separata de Geografia e História. São Luís, n.º 5, dezembro de 1954.

VIVEIROS, José Francisco de. Relatório sobre a lavoura maranhense. Maranhão, 1893.




DOI: https://doi.org/10.22264/clio.issn2525-5649.2021.39.1.01

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 .

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Indexadores:

             


                          

 

 

  Endereço: Avenida da Arquitetura, s/n, Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) - 10º andar, CEP: 50740-550, Cidade Universitária, Recife-PE, Brasil. Email: editorclio@gmail.com. Fone: +55 (81)2126-8291