Velhos papéis, novas histórias: a justiça para os órfãos na Capitania de Pernambuco

Virgínia Maria Almoêdo de Assis

Resumo


O texto busca analisar as estratégias adotadas pela Câmara de Olinda quanto a utilização do legado pecuniário, sob a sua guarda, pertencente aos órfãos da capitania de Pernambuco, sem a prévia autorização régia, o que feria o disposto na doutrina e legislação vigentes, notadamente ao que rezavam as Ordenações Filipinas (1603).  Também ao longo do texto, as reflexões procuram revelar as estreitas relações entre o conhecimento histórico e os paleográficos à escrita da História na temporalidade do Brasil Colônia na sua face político-administrativa.


Palavras-chave


Administração colonial; Câmaras; Órfãos; Paleografia

Texto completo:

PDF

Referências


ACIOLI, Vera Lúcia Costa. A Escrita no Brasil Colônia. Recife: Fundação Joaquim Nabuco – Editora Massangana, 2003.

ACIOLI, Vera Lúcia Costa e ALMOÊDO DE ASSIS, Virgínia Maria (organizadoras). A Face Revelada dos Promotores de Justiça – o ministério público de Pernambuco na visão dos historiadores. Recife: MPPE, 2006.

LOBO, Eulália Maria Lahmeyer. Processo Administrativo ibero-americano. Rio de Janeiro, Biblioteca do Exercito, 1962.

HESPANHA, António Manuel. Às Vésperas do Leviathan – Instituições e poder Político Portugal – séc. XVII. Coimbra, Livraria Almedina, 1994.

MONTEIRO, Nuno. “Poderes Municipais e Elites Locais (Séculos XVII-XIX: Estado de uma Questão”. In O Município no Mundo Português. Funchal: CELLA, 1998.

PRADO JÚNIOR, Caio. Formação do Brasil Contemporâneo. Colônia. 14.ª ed., São Paulo, Brasiliense, 1976.

SALGADO, Graça. (org.). Fiscais e Meirinhos – A administração no Brasil Colonial. Rio de Janeiro, Nova Fronteira, 1985.

SHWARTZ,Stuart. B. Burocracia e Sociedade no Brasil Colonial. São Paulo, Perspectiva, 1979.

SUBTIL, José Manuel. O Desembargo do Paço – 1750 – 1833. Lisboa, Universidade Autônoma de Lisboa – Departamento de Ciências Humanas, 1996.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 .

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Indexadores:

                    

                                   

 

eISSN: 2525-5649  Av. da Arquitetura, s/n CFCH-10°Andar, CDU - Recife-PE - CEP: 50740-550 Fone:+55(81)2126-8292  editorclio@gmail.com

                                                                                                                                                                         desde 20. Set. 2018  Contador de visitas