O GOLPE DE ESTADO DE 1964 NA BAHIA.

Muniz Ferreira

Resumo


O autor deste artigo privilegiou em suas análises a desenvoltura dos partidos políticos na Bahia, mostrando as alianças em nível local desses partidos, inconciliáveis no cenário nacional. Estas alianças locais possibilitaram uma correlação de forças tão contrárias ao Governo de João Goulart, na Bahia, que a reação ao Golpe de 1964 foi expressada apenas pelos estudantes secundaristas e universitários e pelo Partido Comunista Brasileiro. 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


                          

             

 ISSN: 0102-9487  Av. da Arquitetura, s/n CFCH-10°Andar, CDU - Recife-PE - CEP: 50740-550 Fone:+55(81)2126-8292  editorclio@gmail.com