A família na reabilitação psicossocial de pessoas com sofrimento mental

Patricia Anjos Lima Carvalho, Marly Souza Moura, Vanessa Thamyris Carvalho, Marina Costa Silva Reis, Cláudia Brito de Oliveira Lima, Edite Lago da Silva Sena

Resumo


RESUMO

Objetivo: descrever as contribuições das famílias na reabilitação psicossocial de usuários de um Centro de Atenção Psicossocial do tipo II (CAPS II). Método: estudo de abordagem qualitativa, realizado com oito familiares de usuários do CAPS II, no mês de agosto de 2013, no município de Jequié/BA, Brasil. As informações foram produzidas por meio da entrevista não diretiva, semiestruturada e em grupo. A análise ocorreu por meio da técnica de análise de conteúdo na modalidade categorização temática. Resultados: foram apresentadas as categorias: << A família no contexto do cuidado em saúde mental >>; << Exclusão social como fator limitante à reabilitação psicossocial >>; e << Cuidar para reabilitar >>. Conclusão: é necessário que a família não apenas reconheça os dispositivos para a reabilitação psicossocial, mas também que se beneficie deles como instrumentos de cuidado, que servem tanto para a pessoa com sofrimento mental quanto para todos os membros de sua família. Descritores: Centros de Reabilitação; Relações Familiares; Saúde Mental.

ABSTRACT

Objective: to describe the contributions of families in the psychosocial rehabilitation of users of a Psychosocial Care Center Type II (CAPS II). Method: qualitative study conducted with eight relatives of users of CAPS II in August 2013, in a municipality of Jequié/BA, Brazil. Information was produced by non-directive, semi-structured and group interviews. The analysis was carried out through content analysis technique in the modality of thematic categorization. Results: the categories presented were: << The family in the mental health care context >>; << Social exclusion as a limiting factor for psychosocial rehabilitation >>; and << Caring for Rehabilitating.>>. Conclusion: it is necessary the family not only to recognize the devices for psychosocial rehabilitation, but also to benefit from care instruments, that serve for both, the person with mental suffering and its family members. Descriptors: Rehabilitation Centers; Family Relationships; Mental Health.

RESUMEN

Objetivo: describir las contribuciones de las familias en la rehabilitación psicosocial de usuarios de un Centro de Atención Psicosocial del tipo II (CAPS II). Método: estudio de enfoque cualitativo, realizado con ocho familiares de usuarios del CAPS II, en el mes de agosto de 2013, en el municipio de Jequié/BA, Brasil. Las informaciones fueron producidas por medio de la entrevista no directiva, semi-estructurada y en grupo. El análisis fue por medio de la técnica de análisis de contenido en la modalidad categorización temática. Resultados: fueron presentadas las categorías: << La família en el contexto del cuidado en salud mental >>; << Exclusión social como factor limitante a la rehabilitación psicosocial >>; y << Cuidar para rehabilitar >>. Conclusión: es necesario que la familia no apenas reconozca los dispositivos para la rehabilitación psicosocial, pero también que se beneficie de ellos como instrumentos de cuidado, que sirven tanto para la persona con sufrimiento mental como para todos los miembros de su familia. Descriptores: Centros de Rehabilitación; Relaciones Familiares; Salud Mental.


Palavras-chave


Centros de Reabilitação. Relações Familiares. Saúde Mental.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v10i5a13545p1701-1708-2016



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios