Percepção de portadores atendidos na estratégia saúde da familia sobre diabetes mellitus tipo 2

Paula Cristina Couras Corrêa, Leilane Martins Farias, Guldemar Gomes de Lima, Adriano Rodrigues de Souza, Aline Rodrigues Feitoza, Ana Débora Assis Moura, Emilia Soares Chaves Rouberte

Resumo


Objetivo: o objetivo do estudo foi conhecer a percepção do portador de diabetes mellitus tipo 2, atendidos na Estratégia Saúde da Família do município de Fortaleza-CE. Método: pesquisa descritiva, realizada em uma Unidade Básica da Estratégia de Saúde da Família, de Fortaleza-CE, em novembro de 2010. A amostra constou de dez diabéticos, escolhidos aleatoriamente durante seu acompanhamento na referida instituição. A coleta de dados ocorreu por meio de um roteiro de entrevista semiestruturado. Os dados foram divididos em categorias e analisados através da análise de conteúdo. Resultados: os portadores de diabetes referiram contentamento na consulta de rotina, por receberem a medicação, pôde-se observar a deficiência do conhecimento sobre sua doença e a carência de atividades de educação em saúde nesse público. Conclusão: verificou-se deficiência de atividades educativas, bem como necessidade da promoção do autocuidado, visando melhor qualidade de vida a fim de aumentar a autoestima do portador da doença estudada. 

Palavras-chave


diabetes mellitus; enfermagem; educação em saúde

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v11i4Y2017p1645-1651



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios