CUIDADOS DE ENFERMAGEM NA REDUÇÃO MANUAL DE PROLAPSO DE ESTOMIA

Rosaura Soares Paczek, Bruna Noschang de Brum, Daniela Trintinaia Brito, Ana Karina Silva da Rocha Tanaka

Resumo


Objetivo: relatar um caso sobre a redução manual do prolapso em um estoma intestinal. Método: trata-se de um estudo qualitativo, descritivo, tipo relato de caso clínico, sobre a redução manual do prolapso em um estoma intestinal de um paciente. Relata-se que o cenário foi um centro de referência no atendimento ao estomizado. Avaliaram a efetividade das intervenções de Enfermagem com base na comparação dos resultados iniciais e finais do procedimento. Resultados: nota-se a presença de lesões e permeabilidade na presença de prolapso, realizando a manobra de redução digital, até a sua total regressão, facilitando a limpeza da pele e a colocação do equipamento coletor, observando as possíveis lesões periestomais e na mucosa. Conclusão: informa-se que os pacientes com prolapso em estoma intestinal têm um desconforto devido ao volume dentro do equipamento coletor e ao pouco espaço para conter as suas eliminações. Utiliza-se a técnica de redução manual para facilitar a troca do equipamento coletor, esta deverá ser realizada por enfermeiro estomaterapeuta ou capacitado. Salienta-se que os casos em que se afeta o desenvolvimento de atividades cotidianas merecem uma avaliação da equipe cirúrgica.


Palavras-chave


Estomaterapia; Prolapso; Cuidados de Enfermagem; Estomia; Relatos de Caso; Avaliação em Enfermagem.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


Salomé GM, Carvalho MRF, Massahud Junior MR, Mendes B. Profile of ostomy patients residing in Pouso Alegre city. J Coloproctol 2015 Apr/June; 35(2):106-12. DOI: 10.1016/j.jcol.2015.02.002.

García-Pardo ARH, Maldonado YR, Savoini EN, Antônio RG, Miguel GA, Alonso FJG, González JBS. Prospective study of digestive stomas complications. Rev Gastroenterol Peru [Internet]. 2019 July/Sept [cited 2020 May 29]: 39(3):215-21. Available from: http://www.scielo.org.pe/scielo.php?pid=S1022-51292019000300003&script=sci_abstract

Sherman KL, Wexner SD. Considerations in Stoma Reversal. Clin Colon Rectal Surg. 2017 July; 30(3):172-7. DOI: 10.1055/s-0037-1598157

Ministério da Saúde (BR), Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Vigilância Estimativa 2020: Estatísticas de câncer [Internet]. Rio de Janeiro: INCA; 2020 [cited 2020 May 29]. Available from: https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer

Costa JM, Ramos RS, Santos MM, Silva DF, Gomes TS, Batista RQ. Complications of intestinal stoma in post-operative patients of rectal tumor resection. Rev Enferm Atual [Internet]. 2017 Oct [cited 2019 Aug 10]. Available from: https://revistaenfermagematual.com.br/index.php/revista/article/view/545

Thum M, Paula MAB, Morita ABSP, Balista AL, Franck EM, Lucas PCC. Late complications in patients with intestinal ostomies who underwent a preoperative site marking. ESTIMA, Braz J Enterostomal Ther. 2019 Jan; 16:e4218. DOI: 10.30886/estima.v16.660_PT

Costa JM, Ramos RS, Santos MM, Silva DF, Gomes TF, Batista RQ. Complications of intestinal stoma in post-operative patients of rectal tumor resectio. Revista enfermagem atual In Derme. 2017; Edição Especial: 35-42. DOI: 10.31011/reaid-2017-v.2017-n.0-art.545

Tsujinaka S, Tan KY, Miyakura Y, Fukato R, Oshima M, Konishi F, Rikiyama T. Current Management of Intestinal Stomas and Their Complications. J Anus Rectum Colon. 2020 Jan; 4(1):25-33. DOI: 10.23922/jarc.2019-032

Sobrado Junior CW, Guzela VR, Sobrado LF, Nahas SC, Cecconello I. Local treatment of colostomy prolapse with the MESH STRIP technique: a novel and highly efficient day hospital technique. Clinics [Internet]. 2019 Dec [cited 2020 June 10];75:e1353. Available from: https://www.revistas.usp.br/clinics/article/view/167268

Herdman TH. Kamitsuru S. NANDA International. Diagnósticos de enfermagem: definições e classificação 2018-2020. 11th ed. Porto Alegre: Artmed; 2018.

Bulechek G, Butcher H, Dochterman J, Wagner C. Classificação das Intervenções de Enfermagem (NIC). 6th ed. Barcelona: Elsevier; 2016.

Moorhead S, Johnson M, Maas M, Swanson E. Classificação dos Resultados de Enfermagem (NOC): Medição dos Resultados de Saúde. 5th ed. Barcelona: Elsevier; 2016.




DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963.2021.247404



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios