A PRÁTICA PEDAGÓGICA NA ESCOLA NO ATENDIMENTO ÀS CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA – O PAPEL DO ACOMPANHANTE NA EDUCAÇÃO DESSE ALUNADO

Maria Leandra de Siqueira Ferreira, Sheyla Alves Xavier, Clarissa Martins de Araújo

Resumo


RESUMO: Essa pesquisa teve como objetivo compreender como se constitui o trabalho do acompanhante de alunos com deficiência em uma escola da rede municipal de ensino do Recife. Para tanto, realizamos uma pesquisa qualitativa do tipo estudo de caso, onde foram utilizados como recursos para a coleta de dados o questionário e entrevistas semiestruturadas com a gestora, coordenadora, professora do Atendimento Educacional Especializado (AEE), duas professoras da classe regular e cinco acompanhantes de crianças com deficiências. Esse estudo revelou que a prática pedagógica na escola não se estabelece de maneira coletiva, dificultando as ações desenvolvidas no âmbito do AEE, especialmente do trabalho realizado pelo estagiário acompanhante.

Texto completo:

PDF

Referências


CARVALHO, Rosita Edler. Educação Inclusiva: com os pingos nos “is”. Porto Alegre, Editora Mediação, 2013.

MANTOAN, Maria Teresa Égler. A inclusão escolar: O que é? Por quê?Como Fazer? Campinas, Editora Moderna1994.

Política de Ensino da Rede Municipal de Recife. (Caderno 1, Fundamentos Teórico-Metodológicos) 2012 Disponível em: Acesso em: 24 novembro de 2015.

SOUZA, J. F. de. Prática pedagógica e formação de professores/ João Francisco de Souza; organizadora: Inez Maria Fornari de Souza. – 2.ed. – Recife: Ed. Universitária da UFPE, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Semana  Pedagógica ISSN 2595-1572 (on line)