INCLUSÃO DE PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS EM UMA ESCOLA DA REDE MUNICIPAL DE JABOATÃO DOS GUARARAPES/PE: CONCEPÇÕES DE PROFESSORES/AS E PAIS

Anderson William Vitorino de Melo, Andreia Jaqueline de Melo, Daniel Vater

Resumo


A inclusão escolar de crianças com necessidades especiais é um tema pertinente e vem ganhando espaço cada vez maior em debates e discussões que explicitam a necessidade da escola atender às diferenças inerentes à condição humana. A partir da Constituição Federal de 1988, do Estatuto da Criança e do Adolescente de 1990 e a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional de 1996, a criança no Brasil passa a ser objeto de legislação, sob outro enfoque que o das legislações anteriores. Ressaltamos que o Plano Decenal de Educação para todos, 1993 – 2003 (MEC, 1993) e os Parâmetros Curriculares Nacionais (MEC, 1999) são exemplos também de documentos que defendem e asseguram o direito de todos à educação. Segundo esses documentos, todas as crianças devem ser acolhidas pela escola, independentemente de suas condições físicas, intelectuais, sociais e emocionais.Porém, mesmo com essa garantia,a dificuldade da inclusão escolar, é ainda uma situação muito comum nas escolas regulares.Passos fundamentais devem ser dados para mudar o quadro de marginalização dessas pessoas, como: Alteração da visão social; Inclusão escolar e o acatamento à legislação vigente.

Texto completo:

PDF

Referências


GOFFREDO, Vera Lúcia Flor Sénéchal. Educação: Direito de Todos os Brasileiros. In: Salto para o futuro: Educação Especial: Tendências atuais/ Secretaria de Educação a Distância Brasília: Ministério da Educação, SEED, 1999.JANUZZI, Gilberta de Martinho. A educação do deficiente no Brasil: dos primórdios ao início do século XXI. Campinas. Coleção Educação Contemporânea. Autores Associados. 2004. MANTOAN, Maria Teresa. Inclusão escolar: o que é? Porquê? Como fazer? São Paulo: Moderna, 2003 – Coleção cotidiano escolar.Ministério da Educação e Cultura. (1999).


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Semana  Pedagógica ISSN 2595-1572 (on line)