CADEIAS GLOBAIS DE ALIMENTOS, REDES DE ATORES E QUALIDADES NA PRODUÇÃO DE FRUTAS PARA EXPORTAÇÃO: elos entre Brasil e Alemanha

Josefa Salete Barbosa Cavalcanti, Gustavo Henrique Dias

Resumo


Este artigo tem como objetivo compreender os processos que demonstram como cadeias alimentares globais se manifestam em determinados contextos históricos e socioeconômicos. Diferentes atores, incluindo agroindústrias e empresas de logística, trabalhadores migrantes e o Estado contribuem para a inserção de regiões, localidades e produtos na área de disputas globais em mercados de alimentos frescos, frutas em particular. Com base em pesquisa realizada no Vale do São Francisco no Nordeste do Brasil e na Alemanha, este artigo analisa confrontos que dão visibilidade aos atores e dinâmicas de coordenação que interagem na definição e certificação de qualidade como também às relações tensas entre consumidores, produtores e distribuidores na gestão dos mercados globais.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427