GIZ, MERENDA OU COMPUTADOR NAS ESCOLAS PÚBLICAS

Paulo Gileno Cyzneiros

Resumo


Aborda a questão polêmica da introdução de micro-computadores nas escolas públicas do Brasil, especialmente do Nordeste,  salientando alguns pontos críticos. Descreve em linhas gerais os trabalhos que estão sendo desenvolvidos pela equipe
interdisciPlinar do Centro-Piloto do Projeto Educam da UFPE, destacando-se a formação de recursos humanos, Informática como disciplina na escola de 1.9 Grau, produção e avaliação de Programas Educativos para Computadores (PECs), uso de
micros na administração escolar e outras atividades na área


Texto completo:

PDF

Referências


Apple, M. W. - O Computador na Educação: Parte da Solução ou Parte

do Problema? Educação e Sociedade (CEDEs, SP), VII, n.9 23, 25-49,

Abril de 1986.

CENIFORjFUNTEVE, Edu.cação e Informática (Vol. 1). RJ: Cenifor, 1985.

Mariz, C. L. & Cysneiros, P. G. Aspectos Psicossociais e Ideológicos da Introdução

do Computador na Escola: Uma Análise do Discurso de Professores.

Tópicos Educacionais (UFPE), Vol. 3 n.9 1/3, 9-28, 1985.

Menezes, L. C. de, Formar Professores: Tarefa da Universidade. In D. B.

Catani et allii, Universidade, Escola. e Formação de Professores. SP: Brasiliense,

Oliveira. M. C. G. & Neves, L. M. W. Planejamento Educacional e Clientelismo

Político. Caderno de Pesquisa, n.9 56, 4-10, 1986.

Paper, S. M. LOGO: Computadores e Educação. SP: Brasiliense, 1985.

Weidenfeld, G.; Mathieu, F., & Perolat, Y. LOGO. Paris: Eyrolles, 1984.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASES DE DADOS

GOOGLE ACADÊMICO

UCL INSTITUTE OF EDUCATION LIBRARY

PKP | INDEX

IRESIE-INSTITUTO DE INVESTIGACIONES SOBRE LA UNIVERSIDADE Y LA EDUCATION 

EDUBASE

Tópicos EduSEcacionais - ISSN 0101-8701 (impresso) 2448-0215 (on line)