Armadilhas Intelectuais ou dilemas e dinamismos próprios da cultura

Márcio Freire

Resumo


Partindo da análise dos textos “Apesar de dependente, universal”, de Silviano Santiago, e “Nacional por subtração”, de Roberto Schwarz, este artigo analisa a construção da imagem de um Brasil a partir das leituras que os dois críticos fazem dos dilemas que envolvem a produção literária e cultural brasileira, pautada na dualidade dos conceitos de universal e nacional, centro e periferia, modelo e cópia.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSIS, M. de. 1999. O primo Basílio. In –. Instinto de nacionalidade & outros ensaios. São Paulo: Mercado Aberto.

BORGES, J. L. 2001. Pierre Menard, autor do Quixote. In –. Ficções. 3 ed. São Paulo: Editora Globo, p. 53-63.

FAUSTO, B. 1997. A intimidade de uma nação. Prestígio das “histórias da vida privada” indica o declínio da vida pública no Ocidente. Folha de São Paulo, São Paulo, 1 jun. Caderno Mais, p. 10.

MICELI, S. 1982. Intelectuais e classe dirigente no Brasil. In –. Intelectuais à brasileira. São Paulo: Companhia das Letras.

SANTIAGO, S. 1982. Apesar de dependente, universal. In –. Vale quanto pesa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, p. 13-24.

______. 2004. Atração do mundo. In –. O cosmopolitismo do pobre. Belo Horizonte: Editora UFMG, p. 11-44.

______. 1978. Eça, autor de Madame Bovary. In –. Uma literatura nos trópicos. Ensaios sobre dependência cultural. São Paulo: Editora Perspectiva, p. 49-65.

______. 1978. O entre-lugar do discurso latino-americano. In –. Uma literatura nos trópicos. Ensaios sobre dependência cultural. São Paulo: Editora Perspectiva, p. 11-29.

SCHWARZ, R. 1999. A nota específica. In –. Seqüências brasileiras. Ensaios. São Paulo: Companhia das Letras, p. 151-154.

______. 2000. Acumulação literária e nação periférica. In –. Um mestre na periferia do capitalismo. São Paulo: Livraria Duas Cidades; Editora 34, p. 219-243.

______. 2000. As idéias fora do lugar. In –. Ao vencedor as batatas. São Paulo: Livraria Duas Cidades; Editora 34, p. 9-31.

______. 1987. Crise e literatura. In –. Que horas são? Ensaios. São Paulo: Companhia das Letras, p. 157-163.

______. 1987. Nacional por subtração. In –. Que horas são? Ensaios. São Paulo: Companhia das Letras, p. 29-48.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.