Nota Restritiva

Márcio Freire

Resumo


 

RESUMO: Partindo de leitura atenta do ensaio “Nacional por subtração”, do crítico Roberto Schwarz, este artigo analisa a permanência da marca cultural do característico sinal de menos, exposto no ensaio do crítico, na produção de escritores e intelectuais brasileiros. A análise destaca como a cultura do nacionalismo literário, a partir do ajustamento cultural e intelectual, é base determinante para os intelectuais brasileiros pensarem os problemas de produção cultural no Brasil, cientes de que estão por trás de um problema de deficiência material, institucional e cultural.


Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, J. de. Pressupostos, salvo engano, dos pressupostos, salvo engano. In: CEVASCO, M. E. e OHATA, M. (Org.) Um crítico na periferia do capitalismo: reflexões sobre a obra de Roberto Schwarz. São Paulo: Companhia das Letras, 2007. P. 44-53.

ANDRADE, O. de. Carta a Monteiro Lobato. Ponta de lança. São Paulo: Editora Globo, 2000. P. 49-56.

ASSIS, M. de. A nova geração. Obra completa: Rio de Janeiro, 1959, v. 3.

CANDIDO, A. Sobre Roberto Schwarz. In: CEVASCO, M. E. e OHATA, M. (Org.) Um crítico na periferia do capitalismo: reflexões sobre a obra de Roberto Schwarz. São Paulo: Companhia das Letras, 2007. P. 13-17.

______. Textos de intervenção. Seleção, apresentação e notas de Vinicius Dantas. São Paulo: Livraria Duas Cidades/Editora 34, 2002. 389p.

FAUSTO, B. A intimidade de uma nação. Prestígio das “histórias da vida privada” indica o declínio da vida pública no Ocidente. Folha de São Paulo, São Paulo, 1, junho, 1997, Caderno Mais, p. 10.

FROTA, L. C. (Org.). Carlos e Mário. Correspondência de Carlos Drummond de Andrade e Mário de Andrade. Prefácio e notas de Carlos Drummond de Andrade e Silviano Santiago. Rio de Janeiro: Bem-Te-Vi Produções Literárias Ltda., 2002.

SCHWARZ, R. Conversa sobre “Duas meninas”. Sequências brasileiras. Ensaios. São Paulo: Companhia das Letras, 1999. P. 227-238.

______. Nacional por Subtração. Que horas são? São Paulo: Companhia das Letras, 1987. P. 35-36.

______. Um crítico na periferia do capitalismo. Pesquisa Fapesp. Nº. 98. São Paulo, abril de 2004. P. 12-19. Entrevista concedida a Luiz Henrique Lopes dos Santos e Mariluce Moura.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.