Debate epistemológico na educação física: a busca por elementos de mediação entre os paradigmas neomoderno e marxista

Gabriel Pereira Paes Neto, Carlos Jorge Paixão, Renan Santos Furtado

Resumo


O presente artigo tematiza o debate epistemológico da Educação Física. Metodologicamente, resulta de pesquisa bibliográfica a partir das categorias epistemologia, mediação e práxis. Discute-se questões do debate epistemológico do campo, possíveis rumos enquanto campo de conhecimento e intervenção pedagógica. Desafia-se a apontar elementos que possibilitem a mediação entre os paradigmas neomoderno e marxista, seus fundamentos epistemológicos e seus desdobramentos através da categoria práxis. Teve-se como objetivo da pesquisa: analisar elementos teóricos para a mediação epistemológica na Educação Física entre os paradigmas neomoderno e marxista no Brasil. Conclui-se que o debate epistemológico é fundamental para a Educação Física, para a reflexão constante, para o enfrentamento dos desafios teórico-práticos do campo. Assim, a mediação se constitui numa necessidade, sendo fundamental o desafio de avançarmos para sínteses em patamares teórico-práticos mais elevados num movimento constante, crítico e dialógico.


Texto completo:

296-315

Referências


ADORNO, Theodor. Educação e Emancipação. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1995.

AVILA, Astrid. A Pós-Graduação em educação física e as tendências na produção do conhecimento: o debate entre o realismo e o anti-realismo. 2008. 233f. Tese (Doutorado em educação) – Centro de Educação da UFSC. Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis.

BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2012.

BOURDIEU, Pierre. Os usos sociais da ciência: por uma sociologia clínica do campo científico. São Paulo: Editora UNESP, 2004.

BRACHT, Valter. Educação Física & Ciência: cenas de um casamento (in) feliz. Ijuí: Ed. Unijui. 2ª Ed., 2003.

BRACHT, Valter. Epistemologia, ensino e crítica: desafios contemporâneos. In: GOMES, Ivan Marcelo.; ALMEIDA, Felipe Quintão; VELOZO, Emerson Luís. Epistemologia, ensino e crítica: desafios contemporâneos para a educação física. Nova Petrópolis: Nova Harmonia, 2013. p. 19-30.

FENSTERSEIFER, Paulo Evaldo. A educação física na crise da modernidade. 1999. 213 p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação, Campinas, SP. Disponível em: http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000195528. Acesso em: 25 fev. 2015.

______________. Produção do conhecimento em Educação Física: Algumas reflexões a partir do Brasil. Educación Física y Ciencia, 17 (2), 1-7, 2015. En Memoria Académica. Disponible en: http://www.memoria.fahce.unlp.edu.ar/art_revistas/pr.7020/pr.7020.pdf. 2015.

______________. Epistemologia, crítica e formação: uma interpretação não metafísica (para os habitantes da caverna). In: GOMES, Ivan Marcelo.; ALMEIDA, Felipe Quintão; VELOZO, Emerson Luís. (Org.). Epistemologia, ensino e crítica: desafios contemporâneos para a Educação Física. Nova Petrópolis: Nova Harmonia, 2013. p. 31-48.

FENSTERSEIFER, Paulo Evaldo; SILVA, Sidnei Pithan da. Conhecimento e intervenção na educação física: questões ético-epistemológicas. 2015. (Anais do XIX Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte/CONBRACE. VI Congresso Internacional de Ciências do Esporte/CONICE). Vitória – ES - Brasil.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. Saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

GATTI, Bernardete Angelina. A construção da pesquisa em educação no Brasil. Brasília: Editora Plano, 2002. 86p.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A Ideologia Alemã. São Paulo: Expressão Popular, 2007. 614f.

MINAYO, Maria Cecília (Org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. ed. Petrópolis, Rio de Janeiro: Editora Vozes, 2012. 110p.

MORSCHBACHER, Márcia. O debate epistemológico na área da Educação Física: crítica aos “giros epistemológicos” a partir da ontologia e da gnosiologia. Anais Eletrônico – V EPISTED – Seminário de Epistemologia e Teorias da Educação. ISSN 2317-5796, dezembro de 2015. Faculdade de Educação UFBA/LEPEL e Faculdade de Educação Unicamp/PAIDEIA.

PAES NETO, Gabriel Pereira; FRANÇA, Ney Ferreira; FURTADO, Renan Santos. Teoria do conhecimento e epistemologia na pesquisa em Educação Física. Filosofia e Educação. Filosofia e Educação (Online), Campinas, SP, v. 8, n. 3, p. 13-32, dez. 2016. ISSN 1984-9605.

PAIXÃO, Carlos. Episteme dos métodos. Dossiê Epistemologia e teorias da educação. Filosofia e Educação (Online) – Volume 5, Número 2, Outubro de 2013. p. 43 – 56.

PEIXOTO, Elza de Mendonça; MORSCHBACHER, Márcia; TAFFAREL, Celi. Nelza. Zulke. A formação para o trabalho científico na formação de professores de Educação Física. In: Produção do conhecimento na educação física: balanços, debates e perspectivas / Márcia Chaves Gamboa; Sílvio Sánchez Gamboa et al (orgs.). – Maceió: EDUFAL, 2015.

PEIXOTO, Elza de Mendonça. Análise da produção do conhecimento: a prática como direção da crítica. Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Salvador, v. 9, n. 2, p. 5-25, ago. 2017.

SÁ, Kátia Oliver de; SILVA, Ivson Conceição; SANTOS, Gilson Trindade dos. Análise da produção do conhecimento pesquisa em rede com base no materialismo histórico-dialético. Filosofia e Educação (Online), ISSN 1984-9605 – Volume 5, Número 2, Outubro de 2013.

SÁ, Kátia Oliver de. et al. Processo de desenvolvimento da formação do pensamento teórico-metodológico de pesquisadores em rede na pesquisa Epistefnordeste/Bahia. In: Produção do conhecimento em educação física no nordeste brasileiro: o impacto do sistema de Pós-Graduação na formação dos pesquisadores da região/ Márcia Chaves Gamboa et al. (orgs.). – Campinas, SP: Limbrum, Editora, 2017.

SACARDO, Michele; SILVA, Régis Henrique dos Reis. A crítica crítica dos giros epistemológicos e/ou linguísticos no debate político-epistemológico da área da educação física. Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Salvador, v. 9, n. 2, p. 26-39, ago. 2017.

SÁNCHEZ GAMBOA, Sílvio. Epistemologia da Educação Física: as inter-relações necessárias. 2. ed. rev. e ampl. Maceió: EDUFAL, 2010. 218 p.

______, Sílvio. Pesquisa em educação: métodos e epistemologias. 2ª ed. Chapecó: Argos, 2012. 216 p.

SILVA, Sidinei Pithan. Complexidade, conhecimento e educação: a emergência de um novo paradigma epistemológico no contexto contemporâneo. Revista Educação. Santa Maria | v. 40 | n. 2 | p. 375-388. Maio/ago. 2015 | educação.

TELLES, Silvio et al. Pesquisa em Educação Física. Perspectiva sociocultural e pedagógica em foco. Rio de Janeiro; Editora autografia, 2017.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Cadernos de Estudos e Pesquisa na Educação Básica - ISSN: 2447-6943

Revista Cadernos de Estudos e Pesquisa na Educação Básica

Colégio de Aplicação da UFPE

Endereço
Avenida da Arquitetura S/N Cidade Universitária
CEP 50740 - 550

Telefones
Secretaria: (81) 2126-8332
Direção: (81) 2126-8335