AS CONCEPÇÕES E OS CONHECIMENTOS DE GEOMETRIA EUCLIDIANA DE UM GRUPO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA DA EDUCAÇÃO BÁSICA

Karla Aparecida Lovis, Valdeni Soliani Franco

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar uma pesquisa na qual foram identificadas e analisadas as concepções sobre a Geometria Euclidiana de um grupo de 27 professores de Matemática, que atuam em escolas públicas, de 27 Núcleos Regionais de Educação do Estado do Paraná. Para identificar e analisar as concepções dos professores foram investigados os conhecimentos, as opiniões, as preferências e as ideias que eles apresentam sobre a Geometria Euclidiana. A escolha dos participantes realizou-se por meio de um questionário, a coleta dos dados adveio de uma entrevista semiestruturada e a análise dos dados foi desempenhada por meio da Análise de Conteúdo descrita por Bardin. Após as análises, constatou-se que dezoito professores apresentam suas concepções por meio de entes geométricos da Geometria Euclidiana, ou seja, usando-se de ponto, reta, plano, figuras geométricas e sólidos geométricos. Quatro professores, além de conceberem a Geometria por meio de entes geométricos, citaram as palavras postulados e axiomas; cinco docentes apresentaram suas concepções fundamentadas, entre outros aspectos, na história e em conceitos da Geometria Euclidiana. Em geral, observou-se que os professores concebem a Geometria Euclidiana como o reconhecimento e nomeação de figuras e sólidos geométricos. 


Palavras-chave


Educação matemática, geometria euclidiana, concepções, conhecimentos, formação de professores

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36397/emteia.v6i2.2255

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2177-9309

Contato: revista.emteia@ufpe.br