Resolução de Problemas no Ensino da Matemática: algumas considerações

Eduardo dos Santos de Oliveira Braga

Resumo


O presente trabalho é um recorte da dissertação de mestrado do autor, intitulada por Análise de pesquisas que tratam das Resoluções de Problemas amparadas pelas novas tecnologias no ensino da matemática, cujo objetivo foi realizar um levantamento de trabalhos que abordem a proposta de associação das Resoluções de Problemas e das Novas Tecnologias no Ensino da Matemática, de maneira vinculadas. Porém, neste artigo de revisão, objetiva-se apresentar um quadro teórico a respeito da Resolução de Problemas no Ensino da Matemática. Para isso, primeiramente, investigamos o que vem a ser problema, apresentando algumas definições a respeito do assunto, atribuídas por diferentes autores. Com as conceituações postas, apresentamos um resumido contexto histórico da Resolução de Problemas e sua ligação com o Ensino da Matemática. Intenciona-se, com isso, mostrar que a matemática e a Resolução de Problemas estão há tempos vinculadas, uma vez que o início de seu conhecimento parte da necessidade do homem em resolver problemas. Posteriormente, fazemos um levantamento bibliográfico sobre o assunto, apresentando seus objetivos, suas inferências – tanto na instituição escolar, quanto na vida do aluno e do professor – e trazemos algumas considerações a respeito de seu papel como metodologia de ensino. Por fim, de posse das leituras realizadas, identificamos alguns desafios e dificuldades que poderão ser encontrados na tentativa de implementar a Resolução de Problemas em sala de aula.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36397/emteia.v11i1.243854

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2177-9309

Contato: revista.emteia@ufpe.br