Apresentação

Eliete Santiago, José Batista

Resumo


Em hora oportuna, Interritórios abre suas páginas ao debate das ideias freireanas. E o faz num duplo sentido. Com a finalidade de por em evidência as contribuições do ideário do educador pernambucano para o desvelamento e compreensão dos problemas da educação, condições inerentes à sua transformação/superação. Mas igualmente por não se entender neutra no intenso debate, desde que uma escalada regressista instalou-se no país, nos anos mais recentes, e assim tomar partido, condição básica ao ser político, ao fazer política. São de conhecimento público as manifestações de intolerância, e até mesmo de fomento ao ódio, de que o pensamento de Paulo Freire tem sido vítima nos dias que correm. Grupos de extração conservadora e ultraconservadora disseminam palavras de ordem com as quais se reeditam agressões experimentadas pelo educador pernambucano ao longo dos anos 1960, no BR, quando da preparação e implantação do regime militar (1964-1985).

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista INTERRITÓRIOS



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.