Evolução geomorfológica recente da falésia de Itapari, São José de Ribamar-MA (Geomorphological evolution of the Itapari cliff, São José de Ribamar-MA)

Carlos Henrique Santos da Silva, Iracilde Maria Moura Fé Lima

Resumo


As falésias referem-se a superfícies de forte inclinação, onde a terra elevada se encontra com o mar, correspondendo a uma característica geomorfológica de primeira ordem de significância, porque ocorrem ao longo de cerca de 80% das linhas costeiras do mundo. No município de São José de Ribamar, Maranhão, a zona costeira apresenta um conjunto singular de falésias, dentre elas a de Itapari. A constituição geológica desta forma de relevo é de materiais da Formação Barreiras, sendo altamente suscetíveis à erosão por processos marinhos, provocando desmoronamentos, principalmente durante períodos chuvosos. Tendo em vista que é uma área de crescente ocupação humana, o presente trabalho tem por objetivo conhecer e interpretar como se processa a dinâmica dos processos modeladores da falésia Itapari, responsáveis pela sua evolução geomorfológica associada também à interferência antrópica. O desenvolvimento da pesquisa envolveu a revisão da literatura; trabalhos de campo para a identificação, caracterização e análise da falésia e do uso antrópico da área, através de registro fotográfico, de ficha de campo e determinação de parâmetros de ondas, marés e correntes. A partir dos resultados encontrados, concluiu-se, que os componentes naturais do ambiente são os principais condicionantes dos processos operantes na evolução atual desta falésia, embora seja preocupante a crescente interferência antrópica sobre ela, sobretudo em relação às construções locais e à retirada de materiais que a compõem.

 

 

 

A B S T R A C T

The cliffs refer to high slope surfaces, where the elevated land meets the sea, corresponding to a geomorphological feature of the first order of significance, because they occur along about 80% of the world's coastlines. In the municipality of São José de Ribamar, Maranhão, a coastal zone presents a unique set of cliffs, among them Itapari. The geological constitution of this form of relief of materials of the Formação Barreiras, being highly susceptible to erosion by marine processes, provoking landslides, mainly during rainy periods. Considering that it is an area of increasing human occupation, the present work aims to know and interpret how the dynamics of the modeling processes of the Itapari cliff, responsible for its geomorphological evolution, are processed. The development of the research involved the revision of the literature; fieldwork for the identification, characterization and analysis of the cliff and the anthropic use of the area, through photographic record, field record and determination of parameters of waves, tides and currents.  From the results found, it was concluded that the natural components of the environment are the main constraints of the operational processes in the current evolution of the cliff, which compose it.

Keywords: Coastline retrograde. Coastal geomorphology. Island of Maranhão.

Palavras-chave


Retrogradação da linha de costa; Geomorfologia costeira; Ilha do Maranhão

Texto completo:

PDF

Referências


Ab’Saber, A. N., 2001. Litoral do Brasil. Metalivros, São Paulo.

Bird, E.C.F.,1930. Coastal Geomorphology: an introduction, 2 ed. John Wiley & Sons, England.

Bloom, A.L., 1970. Superfície da Terra. Blücher, São Paulo.

Christofoletti, A., 1980. Geomorfologia. 2 ed. Blücher, São Paulo.

Emery, K.O., Kuhn, G.G., 1982. Sea cliffs: their processes, profiles, and classification. Geological Society of America Bulletin, 93, 644-654.

Feitosa, A.C., Trovão, J.R., 2006. Atlas escolar do Maranhão: Espaço geo-histórico e cultural. Editora Grafset, João Pessoa.

Guerra, A.T., Guerra, A.J.T., 2008. Novo dicionário geológico-geomorfológico, 8 ed. Bertrand Brasil, Rio de Janeiro.

Guerra, A.J.T., Marçal, M.S., 2006. Geomorfologia Ambiental. Bertrand Brasil, Rio de Janeiro.

Guimarães, R. F., Carvalho Jr, O.A., Gomes, R. A.T., Fernandes, N.F., 2008. Movimentos de massa. In: Florenzano, T. G. (org.). Geomorfologia: conceitos e tecnologias atuais. São Paulo: oficina de textos,

INMET - INSTITUTO NACIONAL DE METEOROLOGIA. Normais Climatológicas-Estação de São Luís, 2015. Disponível em: < http://www.inmet.gov.br/portal/index.php?r=home/page&page=rede_estacoes_auto_graf >. acesso em: 13 jan. 2015.

INPE, Instituto de Meteorolia e Pesquisas Espaciais, 2015. Sistema de Organização Nacional de Dados Ambientais (Sonda), Estação 82281 – SBSL. Disponível: http://www.inmet.gov.br/portal/index.php?r=home/page&page=rede_estacoes_auto_graf. Acesso: 13 jan. 2015.

Leinz, V., Amaral, S.E., 1989. Geologia geral. 11. ed. Nacional, São Paulo.

Muehe, D. Geomorfologia costeira. In: Guerra, A. J. T.; Cunha, S. B. (Org.), 2011. Geomorfologia: exercícios, técnicas e aplicações. 5 ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil.

National Research Council, 1999, Science for decision making; Coastal and Marine Geology at the U.S. Geological Survey, National Academy Press, Washington, D.C.

Rodrigues, T.L.N. et al., 1994. Programa levantamentos geológicos básicos do Brasil. São Luís. Folha AS.23-Z-A, Estado do Maranhão. CPRM, Brasília.

Rosseti, D.F. Ambientes Costeiros. In: Florenzano, T. G. (org.), 2008. Geomorfologia: conceitos e tecnologias atuais. São Paulo: oficina de textos.

Silva, C.H.S. Análise de terraços de abrasão na ilha do Medo, São Luís – MA. In: XVI Simpósio Brasileiro de Geografia Física Aplicada, 5., 2015, Teresina-PI. Anais... Teresina: UFPI, 2015. p. 2782-2788.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v10.6.p1859-1874

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License