Técnicas de sensoriamento remoto aplicada análise da concentração de sólidos em suspensão na UHE Foz do Rio Claro - GO (Remote sensing techniques for analysis of the concentration of suspended solids in the hydroelectric plant Foz do Rio Claro-Brazil)

João Batista Pereira Cabral, Waterloo Pereira Filho

Resumo


A utilização de dados espectrais tem sido utilizado para avaliar e diagnosticar a qualidade das águas em reservatórios a partir de substâncias opticamente ativas. O presente trabalho tem por objetivo avaliar a utilização das técnicas de sensoriamento remoto a partir de métodos de análise derivativa, remoção do contínuo e razão entre bandas para identificar os comprimentos de ondas mais sensíveis em relação à concentração de sólidos em suspensão (CSS). Dados de campo foram coletados em 23 pontos no reservatório de Foz do Rio Claro (GO – Brasil), em dois períodos distintos (seco e chuvoso), utilizando espectrorradiômetro FieldSpec®HandHeld. De acordo com os dados avaliados, verificou-se ciclo sazonal bem definido, com maiores valores de reflectância no período de chuva e menores valores de reflectância no período seco. Análise derivativa apresentou resultados significativo, a 99% ao se correlacionar reflectância e CSS nos períodos seco e chuvoso, sendo considerada a melhor técnica para estimar a CSS em relação ao uso de valores de reflectância e CSS para o reservatório de Foz do Rio Claro.

 

 

 

 

A B S T R A C T

The use of spectral data have been used to assess and diagnose the quality of water in reservoirs from optically active substances. This study had as objective evaluate the use of remote sensing techniques from the derivative analysis, continuum removal and right between bands methods to identify the more sensible wavelengths in relations the concentration of suspended solids (CSS). Field data were collected in 23 points in Foz do Rio Claro Reservoir (Brazil), in two distinct stations (dry and wet),using FieldSpec@HandHeld spectrum-radiometer. According to the data assessed there has been seasonal cycle well set with higher reflectance values in the station of rain and lower values in the dry station. Derivative analysis showed significant results in more than 99% by correlating reflectance and CSS during dry and rainy seasons, being considered the best technique to estimate the CSS regarding the use of reflectance values, for the mouth Foz do Rio Claro reservoir.

Keywords: Reflectance, Spectrum-Radiometer, Reservoir.


Texto completo:

PDF

Referências


American Public Health Association (APHA); AWWA; WEF. 1998. Standard methods for the examination of water and wastewater. 20. ed. Washington: APHA. 1085 p.

Barbosa, C. C. F. 2005. Sensoriamento remoto da dinâmica da circulação da água do sistema planície de Curuai/Rio Amazonas. Tese (Doutorado em Sensoriamento Remoto). São José dos Campos, INPE.

Breuning, F. M.; Wachholz, F.; Pereira Filho,W.; Rudorff, C. M. 2007. Análise das propriedades ópticas da água do reservatório Rodolfo Costa e Silva - Itaara, RS, Brasil, usando dados espectrais de campo e imagens orbitais multiespectrais. Revista Ambiente & Água 2, n2. Disponível: http://www.ambi-agua.net/seer/index.php/ambiagua/article/view/28/pdf_267.Acesso: 18 jul. 16.

Cabral, J. B. P.; Wachholz, F.; Becegato, V. A.; Nascimento, E. S. 2013. Diagnóstico Hidrossedimentológico do Reservatório da UHE Caçu - GO. Geofocus 13, 25-37. Disponível:http://www.geofocus.org/index.php/geofocusarticle/view/276. Acesso: 5 maio. 14.

Cai, I.; Tang, D. L.; LI, C. Y. 2015. An investigation os spatial of suspended sediment concentration induced by a bay bridge based on Landsat TM and OLI data, Advance in Space Research. n.56. 293-303. Disponível:https://doi.org/10.1016/j.asr.2015.04.015 Acesso: 4 jul.17.

Callegari-Jacques, S. M. 2008. Bioestatística: princípios e aplicações. Porto Alegre: Artmed. 654p.

Carvalho, N. O. Hidrossedimentologia prática. 2008. 2. ed. Rio de Janeiro: Editora Interciências Ltda. 600p.

Clark, R.N.; Roush, T.L. 1984. Reflectance spectroscopy: quantitative analysis techniques for remote sensing applications. Journal of Geophysical Research 89, nB7, 6329-6340, July 10. Disponível: https://doi.org/10.1029/JB089iB07p06329. Acesso: 5 jul. 2017.

Chen, Z.; Curran, P. J.; Hanson, J. D. 1992. Derivative refrectance spectroscopy to estimate suspended sediment concentration. Remote Sensing of Enviromment 40. 67-77. Disponível: https://doi.org/10.1016/0034-4257(92)90127-6. Acesso: 5 jul. 2017.

Curran, P. J; Novo, E. M. M. 1988. The relationship between suspended sediment concentration and remotely sensed spectral radiance: a review. Journal of Coastal Research, n4, 351-368.

Dekker, A. G. 1993. Detection of optical water quality parameters for eutrophic waters by high resolution remote sensing. Tese (PhD theses). Free University, Amsterdan.

Esteves, F. A. 1998. Fundamentos de limnologia. Rio de Janeiro: Editora Interciência.

Ferreira, A. B.; Pereira Filho, W. 2009. Avaliação da reflectância espectral de corpos d'água em Santa Maria-RS, por meio de espectrorradiometria de campo. Geoambiente On-line, n13, 194-207. Disponível: http://dx.doi.org/10.5216/rev.%20geoambie.v0i13.25996 .Acesso: 6 jul. 2017.

Gomez, R. A. 2015. Análisis espectral del Lago de Guadalupe, medianteimágenes de satélite y datos in situ. Investigaciones Geográficas. n86. 15-24. Disponível: http://dx.doi.org/10.14350/rig.42338. Acesso 5 jul. 2017.

Jensen, J. R. 2009. Sensoriamento remoto do ambiente: uma perspectiva em recursos terrestres. 2. ed. São José dos Campos: Parêntese. 598p.

Kirk, J. T. O. 2011. Light and photosynthesis in aquatic ecosystems. 3ed. New York: Cambridge University Press. 649p.

Kimmel, B. L; Lind; O. T. Paulson, J. L. 1990. Reservoir Primary Production. In: Thorton, K.W; Kimmel, B. L.; Payne, F. E. Reservoir limnology: ecological perspectives. New York: John Wiley and sons. 246p.

Lima, A. M.; Mariano, Z. F. 2014. Análise microclimática no interior e fora das florestas estacionais semidiciduais na área da bacia da usina hidrelétrica de Caçu - GO. Revista do Departamento de Geografia 27, 67-87. Disponível:http://dx.doi.org/10.11606/rdg.v27i0.444. Acesso: 8 jan. 2015.

Lopes, F. B.; Barbosa, C. C. F.; Novo, E. M. L. M.; Andrade, E,M.; Chaves, L. C. G. 2014. Modelagem da qualidade das águas a partir de sensoriamento remoto hiperespectral. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental 18. S13–19. Disponível: http://www.agriambi.com.br/revista/v18ns/v18nsa03.pdf. Acesso:8 jul. 2017.

Londe, L. R; Novo, E. M. L; Calijuri, M. C. 2011. Aplicação de técnicas de sensoriamento remoto ao estudo do fitoplâncton de águas interiores. In: Alcântara, E. H; Novo, E. M. L. de M.; STECH, J. L. Novas tecnologias para o monitoramento e estudo de reservatórios hidrelétricos e grandes lagos. Rio de Janeiro: Parêntese. 254p.

Mariano, Z. F.; Santos, M. J. Z.; Scopel, I. 2003. Variabilidade e tendência climática da região do Sudoeste de Goiás e sua relação com a cultura da soja. In: Seminário de Pós-Graduação em Geografia da UNESP, Rio Claro: Universidade Estadual Paulista, v. 1. 596-616.

Martinez, J. M.; Guyot, J. L., Filizola, N., Sondag, F. 2009. Increase in suspended sediment discharge of the Amazon River assessed by monitoring network and satellite data. Catena 79. 257-264. Disponível: http://dx.doi.org/10.1016/j.catena.2009.05.011. Acesso: 6 jul. 2017.

Mollisani, M. M.; Becker, H.; Barroso, H. S.; Hijo, C. A. G.; Monte, T. M.; Vasconcellos, G. H.; Lacerda, L.D. 2013. The influence of Castanhão reservoir on nutrient and suspended matter transport during rainy season in the Jaguaribe river (CE, Brazil). Brazilian Journal Biology. v73. n1. 115-123. Disponível:http://www.scielo.br/pdf/bjb/v73n1/13.pdf Acesso: 6 jul. 2017.

Milton, E. J. Principles of Field Spectroscopy. 1993. International Journal of Remote Sensing 8, n12, 1807-1827. Disponível:https://doi.org/10.1080/01431168708954818Acesso: 30 jun.2017.

Nogueira, P. F.; Cabral, J. B. P.; Oliveira, S. F.; Rocha, I. R. 2015. Eutrofização no reservatório da UHE Foz do Rio Claro (GO). Revista do Departamento de Geografia 30, 19-33.Disponível: http://dx.doi.org/10.11606/rdg.v30i0.90090.Acesso: 15 nov. 2016.

Novo, E. M. L. M.; Hamsom, J. D.; Curran, P. J. 1989. The effect of sediment type on the relationship between reflectance and suspended sediment concentrations. International Journal of Remote Sensing.10,,1283-1289. Disponível: https://doi.org/10.1080/01431168908903967. Acesso: 5 jul.2017

Novo, E. M. L. de M. 2001. Comportamento Espectral da Água. In: Meneses, P. R., Madeira Netto, J. da S. (Orgs.). Sensoriamento remoto: reflectância de alvos naturais. Brasília: Universidade de Brasília.

Pereira. A.C.F. 2015. Water Quality Reserch: Spectral Variability of the water body analysis to defini a sampling scheme. Brazilian Journal of Cartography 67. n5 Special Issue 27th ICC. 1017-1024. Disponível:http://www.lsie.unb.br/rbc/index.php/rbc/article/view/1309/848. Acesso: 10 jul.2017.

Pereira, A. C. F.; Galo, M. L. B. T.; Velini, E. D. 2015. Inferência da transparência da água - reservatório de Itupararanga/ SP, a partir de imagens multiespectrais IKONOS e espectrorradiometria de campo. Revista Brasileira de Cartografia 1, n.63. 179-190. Disponível:http://www.lsie.unb.br/rbc/index.php/rbc/article/view/370/362. Acesso: 10 jul.2017.

Pinto. C. E. T; Menezes P. H. B. J.; Martinez, J.M; Roig, H. L. Villar, R. A. E. 2014. Uso de imagens MODIS no monitoramento do fluxo de sedimentos no reservatório de Três Marias. In: Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental 18, n5.. 507-516. Disponível:http://www.agriambi.com.br/revista/v18n05/v18n05a07.pdf. Acesso: 6 jul. 2017.

Queiroz Junior. V. S.; Cabral, J. B. P.; Rocha, I. R; Barcelos, A. A. 2014. Uso de geotecnologias na caracterização ambiental da bacia da UHE Foz do Rio Claro (GO). Geofocus. n15. 193-212. Disponível: http://www.geofocus.org/index.php/geofocus/article/view/413. Acesso: 7 jul. 2017.

Rocha, H. M.; Cabral, J. B. P.; Braga, C. C. 2014. Avaliação Espaço-Temporal das Águas dos Afluentes do Reservatório da UHE Barra dos Coqueiros/Goiás. Revista Brasileira de Recursos Hídricos 19, n1. 131-142. Disponível:http://dx.doi.org/10.21168/rbrh.v19n1.p131-142. Acesso: 18 nov 2016.

Rudorff, C. M.; Novo, E. M. L. M.; Galvão, L. S.; Filho, W. P. 2007. Análise derivativa de dados hiperespectrais medidos em nível de campo e orbital para caracterizar a composição de águas opticamente complexas na Amazônia. Acta Amazônica 37, n2. 279-290.Disponível:http://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672007000200014. Acesso: 7 jul. 2017.

Rundquist, D. C.; Han, L.; Schalles, J. F.; Peak, J. 1996. Remote measurement of algal chlorophyll in surface waters: the case for the first derivative of reflectance near 690 nm. Photogrammetric Engineering & Remote Sensing, 62, n2. 195-200. Disponível: https://www.researchgate.net/publication/265108491_Remote_Measurement_of_Algal_Chlorophyll_in_Surface_Waters_The_Case_for_the_First_Derivative_of_Reflectance_Near_690_nm. Acesso: 3 jun. 2017.

Sari, V; Castro, M. R; Kobiyama, M. 2015. Estimativa da concentração de sedimentos suspensos com sensores ópticos: revisão. Revista Brasileira de Recursos Hídricos 20, n4. 816 – 836. Disponível: http://dx.doi.org/10.21168/rbrh.v20n4.p816-836 Acesso: 5 jun. 2017.

Tundisi, J. G.; Matsumura Tundisi, T. 2008. Limnologia. São Paulo: Oficina de Textos. 632p.

Wachholz, F. 2011. Influência da bacia hidrográfica e características espaço-temporais devariáveislimnológicas sobre reservatórios no Rio Jacuí-RS. Tese (Doutorado em Geografia) Rio Claro. Universidade Estadual Paulista - Unesp Campus Rio Claro,

Wachholz, F. 2012. Alterações espectrais nas imagens de satélite nos reservatórios das Usinas Hidrelétricas Caçu e Barra dos Coqueiros-GO. Revista Geonorte, v. 3, n 5. 1170-1179. Disponível: http://www.periodicos.ufam.edu.br/revista-geonorte/article/view/2179. Acesso: 10 mai. 2016.

Wang, J. J.; Lu, X. X. 2010. Estimation of suspended sediment concentrations using Terra MODIS: An example from the Lower Yangtze River, China. Science of the Total Environment 408. 1131-1138. Disponível: Acesso:https://doi.org/10.1016/j.scitotenv.2009.11.057. 8 jul. 2017.

Wetzel, R. G.; Likens, G. E. 1991. Limnological analyses. 2 ed. New York: Springer- Verlag. 391p.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v11.4.p1526-1541

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License