Indicadores de Sustentabilidade como Instrumentos de Planejamento e Gestão Socioambiental: Análise do Município de Brejo da Madre de Deus – PE (Sustainability Indicators as management instruments and Planning Social and Environmental: Analysis of the Municipality of Brejo da Madre de Deus – PE)

Helenize Carlos de Macêdo, Maria Fernanda Abrantes Torres

Resumo


RESUMO

As discussões sobre a questão ambiental têm se intensificado na literatura científica e nos meios sociais em virtude dos problemas decorrentes do uso inadequado dos recursos naturais. Tal situação tem levado à busca de soluções que venham a promover a sustentabilidade no planeta, fortalecendo o paradigma do desenvolvimento sustentável. Neste intento, o emprego de ferramentas que possibilitem o estudo e a mensuração dos sistemas socioambientais é fundamental para auxiliar os gestores públicos e a sociedade no planejamento e na tomada de decisões, visando à efetivação de políticas públicas e de práticas sustentáveis. Nesse sentido, o presente estudo teve como objetivo avaliar indicadores socioambientais do município de Brejo da Madre de Deus – PE. Através do uso do Painel de Sustentabilidade e da seleção de indicadores socioambientais foi possível verificar os níveis de sustentabilidade para as dimensões sociais, econômicas e ambientais, totalizando um grau intermediário (50,1). Estes resultados podem ser utilizados como instrumento na elaboração de políticas públicas que possibilitem a elevação destes índices, melhorando a qualidade de vida da população e a preservação ambiental no município.

Palavras-chave: Modelagem estatística; regressão linear; temperatura da superfície do mar.

 

ABSTRACT

The discussions on the environmental issue have intensified in the scientific literature and social means due the problems arising from the misuse of natural resources. This situation led to the search for solutions that come promote sustainability on the planet, strengthening the paradigm of sustainable development. In this purpose, the use of tools that enable the study and measurement of socio-environmental systems is fundamental to assist public managers and society the planning and the decision making, aimed at the implementation of public policies and sustainable practices. In this sense, the present study aimed to evaluate social and environmental indicators of Brejo da Madre de Deus – PE Municipality. Through the use of the sustainability dashboard and selection of environmental indicators it was possible to verify the sustainability levels for social, economic and environmental dimensions, totaling an intermediate degree (50.1). These results can be used as tools for the elaboration of public policies that allow an increase of these indexes, improving the quality of life of the population and the environmental preservation in the municipality.

Keywords: planning, sustainability, socio-environmental indicators.


Palavras-chave


planejamento, sustentabilidade, indicadores socioambientais.

Texto completo:

PDF

Referências


Albuquerque Neto, H. C.; Marques, C. C.; Araújo, M. C. B. de; Vilar, F. M. do M.; Guimarães, R. A. Os indicadores de sustentabilidade e a possibilidade de mensuração do índice de desenvolvimento sustentável do município de Campina Grande – PB. In: Anais do XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção. Rio de Janeiro: ABEPRO, 2008.

ASSESSORIA DA SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO DE BREJO DA MADRE DE DEUS – PE, 2016. Sustentabilidade e desenvolvimento sustentável em Brejo da Madre de Deus – PE. Brejo da Madre de Deus, Pernambuco, Junho de 2016. Entrevista concedida aos autores desta pesquisa.

Benetti, L. B, 2006. Avaliação do índice de desenvolvimento sustentável do município de Lages (SC) através do método do Painel de Sustentabilidade. Tese (Doutorado em Engenharia Ambiental), Florianópolis, UFSC.

BRASIL, 2011. Portaria Nº 2.488/10/2011. Aprova a política nacional de atenção básica.

César, I. de V., 2014. Indicadores de sustentabilidade e atitudes ambientais como ferramentas à tomada de decisão em zonas especiais de interesse social: o caso da comunidade São Luís, João Pessoa – PB. Dissertação (Mestrado em Geografia). UFPB, João Pessoa.

Couto, O. F. V., 2007 Geração de um índice de sustentabilidade ambiental para bacias hidrográficas em áreas urbanas através do emprego de técnicas integradas de geoprocessamento. Dissertação (Mestrado em Geografia). Instituto de Geociências, UFRGS. Porto Alegre.

DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA DO SUS (DATASUS). Unidades básicas de saúde em funcionamento 2015. Disponível: . Acesso: 10 de dez. 2015.

Fernandes, L. A. de O., 2004. The Meaning of Sustainability: Searching for Agrienvironmental Indicators. (Doctoral thesis). University of Manchester – Institute for development policy and management, Manchester.

Ferreira, C. J., 2010. Aplicação de Geoindicadores na Gestão de Áreas Degradadas e na Gestão de Bacias Hidrográficas. Palestra In: 7º. Simpósio Brasileiro de Cartografia Geotécnica e Ambiental, Maringá (PR):, Anais...CD, ABGE.

Gil, A. C., 2010. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. ATLAS, São Paulo.

Gomes, P. R; Malheiros, T. F., 2012. Proposta de análise de indicadores ambientais para apoio na discussão da sustentabilidade. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional 8, 151-169.

Hammond, A.; Adriaanse, A.; Rodenburg, E.; Bryant, D.; Woodward, R., 1995. Environmental indicators: A systematic approach to measuring and reporting on environmental policy performance in the context of sustainable development. WORLD RESOURCES INSTITUT, Washington, D.C.

Hardi, P., Zdan, T. J., 2000. The dashboard of sustainability. DRAFT PAPER, Winnipeg.

____., 1997. Assessing sustainable development: principles in practice. IISD, Winnipeg.

____.,1997. Measuring sustainable development: Review of current practice. IISD, Winnipeg.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2010. Censo demográfico 2010. Rio de Janeiro. Disponível: . Acesso: 10 de mar. 2016.

____. Produto interno bruto dos municípios - período de 2010 a 2013. Rio de Janeiro Disponível: . Acesso: 15 de Maio, 2016.

Kemerich, P. D. da C.; Ritter, L. G.; Borba, W. F., 2014. Indicadores de sustentabilidade ambiental: métodos e aplicações. Revista Monografias Ambientais – Remoa 13, 3723-3736.

Martins, M. de F.; Cândido, G. A., 2010 Índices de desenvolvimento sustentável para localidades: uma proposta metodológica de construção e análise. In: Cândido, G. A. (Org.). Desenvolvimento sustentável e sistemas de indicadores de sustentabilidade: formas de aplicações em contextos geográficos diversos e contingências específicas. Editora Universitária da UFCG, Campina Grande, pp.25-53.

Marzall, K; Almeida, J., 2000. Indicadores de sustentabilidade para agroecossistemas: Estado da arte, limites e potencialidades de uma nova ferramenta para avaliar o desenvolvimento sustentável. Cadernos de Ciência & Tecnologia 17, 41-59.

Melo, J. S., 2008. Dinâmica geomorfológica do ambiente de encosta em Brejo da Madre de Deus – PE: Uma abordagem a partir da perspectiva morfoestratigráfica aplicada aos depósitos coluviais. Dissertação (Mestrado em Geografia). Recife, UFPE.

Melo, S. C., 2002. Estrutura, petrologia e geocronologia do batólito Brejo da Madre de Deus (estado de Pernambuco), relações com a zona de cisalhamento Pernambuco leste, Nordeste do Brasil. Tese (Doutorado em Geociências). Recife, UFPE.

MINISTÉRIO DAS CIDADES - Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS). Dados de saneamento de 2013. Disponível em: . Acesso em: 20 de jun. 2016.

______. Dados de saneamento de 2014. Disponível: . Acesso: 21 de jun. 2016.

Santos, R. F. dos., 2004. Planejamento ambiental: teoria e prática. OFICINA DE TEXTOS, São Paulo.

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DIREITOS HUMANOS (SEDSDH) DE PERNAMBUCO. Monitoramento da assistência social: Relatório municipal de Brejo da Madre de Deus, 2013. Disponível: . Acesso: 13 de Ago. 2016.

Silva, D. G. da., 2007. Evolução paleoambiental dos depósitos de tanques em Fazenda Nova, município de Brejo da Madre de Deus – Pernambuco. Dissertação (Mestrado em Geografia). Recife, UFPE.

_____., 2013. Reconstrução da dinâmica geomorfológica do Semiárido brasileiro no quaternário superior a partir de uma abordagem multiproxi. Tese (Doutorado em Geografia). Recife, UFPE.

Silva, D. G. da; Melo, R. F. T. de; Corrêa, A. C. De B., 2009. A influência da densidade de drenagem na interpretação da evolução geomorfológica do complexo de tanques do município de Brejo da Madre de Deus – Pernambuco, Nordeste do Brasil. Revista de Geografia 26, 294-306.

PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO (PNUD). IDH por município e estado 2013. Disponível: . Acesso: 10 de Maio de 2016.

Prescott-Allen, R., 1997. Barometer of sustainability: measuring and communicating wellbeing and sustainable development. IUCN, Cambridge.

_____., 2001. The wellbeing of nations: a country-by-country index of quality of life and the environment. ISLAND PRESS, Washington.

Rabelo, L. S.; Lima, P. V. P. S., 2007. Indicadores de sustentabilidade: a possibilidade da mensuração do desenvolvimento sustentável. Revista Eletrônica do Prodema 1, 55-76.

Sobral, I. S.; Gomes, L. J.; Pacheco, J. A., 2013. Indicadores de sustentabilidade social nos projetos de assentamento de reforma agrária em Sergipe. Revista Eletrônica Geoaraguaia 1, 24-41.

Van Bellen, H. M, 2002. Indicadores de Sustentabilidade: uma análise comparativa.. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção). Florianópolis, UFSC.

WORLD COMMISSION ON ENVIRONMENT AND DEVELOPMENT, 1987. Our Common Future. OXFORD UNIVERSITY PRESS, New York.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v12.1.p081-095

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License