ESTUDO AVALIATIVO DA PREVISÃO NUMÉRICA DO TEMPO DE CURTO PRAZO PARA O MUNICÍPIO DE MACEIÓ/AL, UTILIZANDO O MODELO WRF

Rosiberto Salustiano Silva Junior, Bruno César Teixeira Cardoso, Hugo Cainã Ferreira Monteiro, Ewerton Hallan de Lima Silva

Resumo


Sendo as diferentes atividades econômicas fortemente influenciadas pela condição do tempo, faz-se necessário antever com dias de antecedência a situação meteorológica favorável ou não para o cotidiano da sociedade. E os modelos atmosféricos são ferramentas amplamente utilizados para avaliar o estado futuro da atmosfera, neste contexto, avaliar a precisão das previsões realizadas por estas ferramentas, tem sido cada fez mais recorrente. Neste trabalho foi utilizado o modelo atmosférico WRF (Weather Research and Forecasting) para realizar previsões diárias com duração de 72h, durante o período de 10 a 19 de julho de 2017 para a cidade de Maceió/AL. Para validar as previsões foram utilizados os dados observados da estação meteorológica automática do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia). Para este estudo também foi proposto a atualização da topografia e uso do solo da área de estudo em questão, que gerou melhorias nas comparações realizadas para todas as variáveis analisadas, em destaque a previsão da variável pressão atmosférica, quando atualizada a topografia houve sensíveis melhorias nos indicadores estatísticos em comparação aos demais testes que não contaram com mesma atualização. Além disso, as análises estatísticas e os gráficos apresentados comprovam que o modelo previu melhor para 24h do que para 48h e nesta sequência melhor que 72h, ou seja, existiu a depreciação das previsões com o aumento da duração das previsões.

 

Study of the Efficiency of the Short-Term Numerical Forecast for the City of Maceió / Al, Using the WRF Model

A B S T R A C T

The different economic activities are strongly influenced by the condition of the weather, it is necessary to forecast with days in advance the meteorological situation favorable or not for the daily life of the society. The atmospheric models are tools widely used to assess the future state of the atmosphere, in this context, assess the accuracy of the forecasts made by these tools, has been each made more recurrent. In this work the atmospheric model WRF (Weather Research and Forecasting) was used to make daily forecasts with a duration of 72h during the period from July 10 to 19, 2017 for the city of Maceió / AL, to validate the forecasts were used the observed data of the INMET (National Meteorological Institute) automatic weather station. For this study it was also proposed to update the topography and land user of the study area, which generated improvements in the comparisons made for all variables analyzed, in particular the prediction of the variable atmospheric pressure, when updated the topography there were sensible improvements in statistical indicators compared to the other tests that did not have the same update. In addition, the statistical analyzes and the graphs presented show that the model predicted better for 24h than for 48h and in this sequence better than 72h, that is, there was depreciation of the forecasts with the increase of the forecast duration.

Keywords: Weather Forecast, Atmospheric Model, Topography, Land User.


Palavras-chave


Previsão do Tempo, Modelo Atmosférico, Topografia, Uso do Solo.

Texto completo:

PDF

Referências


Argüeso, Daniel, José M. Hidalgo-Muñoz, Sonia R. Gámiz-Fortis, María Jesús Esteban-Parra, Jimy Dudhia, Yolanda Castro-Díez, 2011. Evaluation of WRF Parameterizations for Climate Studies over Southern Spain Using a Multistep Regionalization. J. Climate, 24, 5633–5651.

Ayoade, J.O., 1986. Introdução à climatologia para os trópicos. Tradução: Maria Juraci Zani dos Santos. São Paulo: DIFEL.

Dantas, V. A., Filho, V. P. S., Santos, E. B., Gandu, A. W., 2019. Testando diferentes esquemas da parametrização cumulus do modelo WRF, para a região Norte Nordeste do Brasil, Revista Brasileira de Geografia Física 12, 754-767.

Gevaerd, R. E Freitas, S. R., 2006. Estimativa operacional da umidade do solo para iniciaciação de modelos de previsão numérica da atmosfera. Parte I: Descricão da metodologia e validacão, Revista Brasileira de Meteorologia 21, 1–15.

Hackerott, J. A., 2013. Simulação numérica a partir do modelo WRF e análise de ventos em superfície na região da Baía de Guanabara, Rio de Janeiro. Dissertação (Mestrado em Meteorologia – Universidade de São Paulo).

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2017. Rio de Janeiro, www.ibge.gov.br, acessado em 22/01/2018.

Macedo, L. R.; Henkes, A. F.; Yamasaki, Y., 2011. Modelo WRF Na Previsão de um Evento Severo no Rio Grande do Sul. In: IV Encontro Sul-Brasileiro de Meteorologia, Pelotas. IV Encontro Sul-Brasileiro de Meteorologia 4.

Mariano, G. L.; Moura, M. A. L., 2009. Comportamento da temperatura do lixo em duas épocas distintas (seca e chuvosa) no lixão da cidade de Maceió, AL. Ciência e Natura, UFSM, v.31, pp. 57 - 70.

Mollmann Junior, R, A.; Silva Junior. R. S.; Gomes, H. B.; Moura, M. A. L., 2013. Estudo da Dispersão de Monóxido de Carbono (CO) Emitido Através da Queima de Cana-De-Açúcar, no Estado De Alagoas. Revista Brasileira de Geografia Física 06, 488-499.

Oliveira, E. L.A; Robaina, L. E. S.; Reckziegel, B.W., 2004. Metodologia utilizada para o mapeamento de áreas de risco geomorfológico: bacia do Arroio Cadena, Santa Maria – RS. In: Simpósio Brasieliro De Desastres Naturais, 1, Florianópolis: GEDN-UFSC, p 248-261.

Oliveira, J. L., 2007. Influência da circulação geral e da variabilidade interanual sobre o potencial eólico do Nordeste brasileiro. Dissertação de Mestrado em Ciências Físicas Aplicadas: Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, p. 124.

Pereira, A R., Angelocci, L.R., Sentelhas, P. C., 2002. Agrometeorologia: fundamentos e aplicações práticas. Guaíba: Livraria e Editora Agropecuária, p. 478.

Ramos, D. N. S.; Lyra, R. F. F.; Silva Júnior, R. S., 2013. Previsão do Vento Utilizando o Modelo Atmosférico WRF Para o Estado. Revista Brasileira de Meteorologia 28, 163 - 172.

Rell, G. A., Peckham, S.E., Schmitz, R., Mckeen, S.A., Wilczak, J. E Eder, B., 2005. Fully coupled online chemistry within the WRF model, Atmospheric Environment.39; 6957-6975.

Skamarock, W. C.; Klemp, J. B.; Dudhia, J.; Gill, D. O.; Barker, D. M.; Wang, W.; Powers, J. G. A., 2005. Description of the Advanced Research WRF Version 2. NCAR/Tech. Notes, 2005.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v12.6.p2121-2140

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License