Análise do Desempenho da Estimativa de Precipitação do Produto CHIRPS para Sub-Bacia do Rio Apeú, Castanhal-PA

Emerson Renato Maciel da Silva, Ivan Carlos da Costa Barbosa, Helder José Farias da Silva, Luiz Gonzaga da Silva Costa, Edson José Paulino da Rocha

Resumo


A precipitação é entendida como toda água oriunda do meio atmosférico que alcança a superfície terrestre e estudos sobre o comportamento e distribuição da precipitação em bacias hidrográficas são fundamentais para o conhecimento dos processos hidrológicos de uma região ou bacia hidrográfica. Assim, o presente estudo, tem como objetivo avaliar o desempenho dos dados de precipitação estimados pelo produto CHIRPS, para sub-bacia do rio Apeú em relação aos dados observacionais das estações meteorológicas do INMET e ANA, localizada no município de Castanhal, estado do Pará, para um período de dezesseis anos. O trabalho foi desenvolvido na sub-bacia hidrográfica do rio Apeú que está localizada na região nordeste do Estado do Pará. Para a validação dos dados estimados pelo CHIRPS, foram calculados o Coeficiente de Correlação (r), Erro Percentual Médio (PBIAS), Erro Quadrático Médio da Raiz (RMSE) e o Índice de Concordância (d). Após a validação foram construídos mapas que mostrassem a espacialização da precipitação estimada pelo CHIRPS mediante a interpolação dos pontos de grades pertencentes a sub-bacia. Em geral, os dados do produto tenderam a superestimar a precipitação pluvial medida na região de interesse, principalmente no período chuvoso, embora haja um ajuste melhor ao observado no período menos chuvoso. Contudo, os resultados mostraram que o CHIRPS conseguiu reproduzir com fidelidade a variabilidade sazonal da precipitação na região de interesse, com correlações significativas. Entretanto, são necessárias mais avaliações utilizando dados de superfície de outras fontes de dados, de forma a compor uma grade mais homogênea e corroborar com a metodologia apresentada.

 

Evaluating the Performance of Precipitation Estimate from CHIRPS Product for the Apeú River Basin, Castanhal-PA

A B S T R A C T

Precipitation is understood as all water coming from the atmospheric environment that reaches the earth's surface, and studies on the behavior and distribution of precipitation in watersheds are fundamental to the knowledge of the hydrological processes of a region or watershed. Thus, in the present study, the objective is to evaluate the performance of data estimated by the CHIRPS product for the Apeú River sub-basin in relation to the observational data of INMET and ANA meteorological stations, located in the municipality of Castanhal, State of Pará, by a period of sixteen years. The work was carried out in the Apeú River sub-basin, which is located in the Northeast region of Pará State. For validation of data estimated by CHIRPS, it was calculated correlation coefficients (r), Mean Percentage Error (PBIAS), Root Mean Square Error (RMSE) and Concordance Index (d). After validation, maps were constructed showing the spatialization of CHIRPS estimated precipitation through the interpolation of the grid points belonging to the sub-basin. In general, the product data tended to overestimate the rainfall measured in the region of interest, especially in the rainy season, although there is a better fit after the less rainy period. However, the results shown by CHIRPS have faithfully reproduced a seasonal variability of the region of interest with negative correlations. Despite that, it`s necessary more evaluations using surface data from other data sources to compose a more homogeneous class and corroborate with the presented methodology.

Keyword: CHIRPS; precipitation; remote sensing.


Palavras-chave


CHIRPS; precipitação; sensoriamento remoto

Texto completo:

PDF

Referências


Alvares, C. A., Stape, J. L., Sentelhas, P. C., Gonçalves, J. L. M., Sparovek, G., 2013. Koppen’s climate classification mao for Brazil. Meteorologische Zeitschrift [online] 22. Disponível: https://dx.doi.org/10.1127/0941-2948/2013/0507. Acesso: 19 jul. 2019.

Amanajás, J. C., Braga, C. C., 2012. Padrões espaço-temporal pluviométricos na Amazônia Oriental utilizando análise multivariada. Revista Brasileira de Meteorologia [online] 27. Disponível: http:// dx.doi. org/ 10.1590/ s0102 – 77862012000400006 Acesso: 23 ago. 2019.

Bayissa, Y., Tadesse, T., Demisse, G., Shiferaw, A., 2017. Evaluation of Satellite-Based Rainfall Estimates and Application to Monitor Meteorological Drought for the Upper Blue Nile Basin, Ethiopia. Remote Sensing 9, 669.

Bernardi, E. C. S., 2009. Qualidade das estimativas de precipitação do satélite TRMM no Estado do Rio Grande do Sul. Dissertação (Mestrado). Santa Maria – RS, Universidade Federal de Santa Maria.

Costa, H. C., Marcuzzo, F. F. N., Ferreira, O. M., Andrade, L. R., 2012. Espacialização e Sazonalidade da Precipitação Pluviométrica do Estado de Goiás e Distrito Federal. Revista Brasileira de Geografia Física 5, 87-10.

Costa, J., Pereira, G., Siqueira, M. E., Cardozo, F.; da Silva, V. V., 2019. Validação dos dados de precipitação estimados pelo CHIRPS para o brasil. Revista Brasileira de Climatologia 24, 228-243.

da Silva, H. J. F., Santos, M. S., Cabral Junior, J. B., Spyrides, M. H. C., 2016. Modeling of reference evapotranspiration by multiple linear regression. Journal of Hyperspectral Remote Sensing [online] 6. Disponível: http://dx.doi.org/10.5935/2237-2202.20160005. Acesso: 22 jul. 2019.

Ferreira, D. B. S., de Souza, E. B., de Moraes, B. C., Filho, L. G. M., 2015. Spatial and Temporal Variability of Rainfall in Eastern Amazon during the Rainy Season. The Scientific World Journal [online] 2015. Disponível: http://dx.doi.org/10.1155/2015/209783.

Fisch, G., Marengo, J. A., Nobre, C. A., 1998. Uma revisão geral do clima da Amazônia. Acta amazônica [online] 28. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/1809-43921998282126. Acesso: 21 mai. 2019.

Funk, C., Peterson, P., Landsfeld, M., Pedreros, D., Verdin, J., Shukla, S., Husak, G., Rowland, J., Harrison, L., Hoell, A., Michaelsen, J., 2015. The climate hazards infrared precipitation with Stations a new environmental record for monitoring extremes. Scientific data 2, 1-21.

Jesus, A. A. S., 2009. Geoprocessamento Aplicado ao Mapeamento da Estimativa de Perda de Solos por Erosão Laminar na Bacia Hidrográfica do Rio Apeú (Nordeste Paraense) - Amazônia Oriental. Dissertação (Mestrado). Belém-PA, Universidade Federal Rural da Amazônia.

Joyce, R. J., J.E. Janowiak; P. A., Arkin; P. X., 2004. CMORPH: A method that produces global precipitation estimates from passive microwave and infrared data at high spatial and temporal resolution. Journal of Hydrometeorology 5, 487-503.

Lopes, M. N. G., Souza, E. B., Ferreira, D. B. S., 2013. Climatologia regional da precipitação no estado do Pará. Revista Brasileira de Climatologia 12, 84-102.

Marengo, J. A., Fisch, G., Morales, C., Vendrame, I., Dias, P. C. 2004. Diurnal variability of rainfall in southwest Amazonia during the LBA-TRMM field campaign of the austral summer of 1999. Acta amazônica 34, 593-603.

Menezes, F. P., Fernandes, L. L., Rocha, E. J. P., 2015. O uso da estatística para regionalização da precipitação no Estado do Pará, Brasil. Revista Brasileira de Climatologia 16, 64-71.

Molion, L. C. B., Bernardo, S. O., 2002. Uma Revisão da Dinâmica das Chuvas no Nordeste Brasileiro. Revista Brasileira de Meteorologia 17, 1-10.

Moraes, B. C., Costa, J. M. N., Costa, A. C. L., Costa, M. H. 2005. Variação espacial e temporal da precipitação no estado do Pará. Acta amazônica 35, 207-214.

Nogueira, F. F., Costa, I. A., Pereira, U. A., 2015. Análise de parâmetros físico-químicos da água e do uso e ocupação do solo na sub-bacia do Córrego da Água Branca no município de Nerópolis – Goiás. Monografia (TCC). Goiânia – GO, Universidade Federal de Goiás.

Paredes-Trejo, F. J., Barbosa, H. A., Kumar, T. V. L., 2017. Validating CHIRPS-based satellite precipitation estimates in Northeast Brazil. Journal of Arid Environments 139, 26-40.

Pereira, G., Silva, M. E. S., Moraes, E. C., Cardozo, F. S., 2013. Avaliação dos dados de precipitação estimados pelo satélite TRMM para o Brasil. Revista Brasileira de Recursos Hídricos 18, 139-148.

R Core Team., 2019. R: A language and environment for statistical computing. R Foundation for Statistical Computing, Vienna, Austria. Disponível: https://www.R-project.org/.

Silva, M. K. A., 2014. Modelagem hidrológica aplicada ao estudo da vazão da bacia hidrográfica do rio Araguari - MG, a partir das mudanças do uso da terra e cobertura vegetal nativa. Tese (Doutorado). Uberlândia – MG, Universidade Federal de Uberlândia.

Santos, M. R. S., Vitorino, M. I., Pimentel, M. A. S., Souto, J. I. O., 2017. Análise da distribuição espaço-temporal da chuva, na mesorregião metropolitana de Belém-Pará: contribuições da técnica de sensoriamento remoto. Caminhos de Geografia 18, 49-58.

Santos, S. R. Q., Sansigolo, C. A., Neves, T. T. A. T., Santos, A. P. P., 2017. Variabilidade sazonal da precipitação na Amazônia: Validação da série de precipitação mensal do GPCC. Revista Brasileira de Geografia Física 10, 1721-1729.

Souza, S. R., Maciel, M. N. M., Oliveira, F. A., Jesuíno, S. A., 2011. Dinâmica da paisagem na bacia hidrográfica do Rio Apeú, nordeste do Pará, Brasil. Rev. Acad. Ciênc. Agrár. Ambient. 9, 141-150.

Vale, J. R. B., 2017. Análise geoambiental da bacia hidrográfica do rio Apeú, Nordeste Paraense: subsídios ao planejamento ambiental. Dissertação (Mestrado). Belém-PA, Universidade Federal do Pará.

Wanderley, H. S., Sediyama, G. C., Justino, F. B., Alencar, L. P. D., Delgado, R. C., 2013. Precipitation variability in the 'Sertão' of San Francisco in the State of Alagoas. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental 17, 790-795.

Willmott, C. J., 1981. On the validation of models. Physical Geography [online] 2. Disponível: https://doi.org/10.1080/02723646.1981.10642213.Acesso: 15 mai. 2019.

Willmott, C. J. et al., 1985. Statistics for the evaluation and comparison of models. Journal of Geophysical Research [online] 90. Disponível: https://doi.org/10.1029/JC090iC05p08995. Acesso: 13 ago. 2019.

Willmott, C. J.; Robeson, S. M.; Matsuura, K., 2012. A refined index of model performance. Int. Journal of Climatology [online] 32. Disponível: https://doi.org/10.1002/joc.2419. Acesso: 14 ago. 2019.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v13.3.p1094-1105

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License