Modelagem espacial da qualidade da água nas comunidades rurais da Chapada do Apodi – RN

Alana Rêgo, Joel Bezerra, Jorge Pinto Filho

Resumo


A diminuição da disponibilidade hídrica vivenciada em regiões semiáridas associada à degradação da qualidade da água justifica a necessidade de ações gerenciais que visem a conservação dos recursos hídricos. Nesse sentido, o presente estudo visa realizar a modelagem espacial da qualidade da água nas comunidades rurais da Chapada do Apodi/RN. Para avaliação desse utilizou-se análise estatística descritiva dos parâmetros físico-químicos e biológicos, mediante análise dos padrões de qualidade da água conforme legislação vigente. Em seguida utilizou-se da correlação linear de Pearson para fins de verificação de dependência entre as variáveis em estudo, e interpolação por krigagem ordinária acompanhada da determinação dos semivariogramas experimentais. constatou-se que os parâmetros pH, turbidez, OD, STD, C. totais e do tipo E. coli, apresentaram resultados desconformes se comparados com a legislação vigente. Por meio da correlação linear de Pearson evidenciou uma moderada correlação entre os STD e temperatura, STD e pH, salinidade e pH, além de OD e turbidez. Além disso, o semivariograma experimental para a temperatura que melhor se ajustou foi o modelo Gaussiano, o pH ajustou-se ao modelo exponencial e as variáveis turbidez, OD e E. coli apresentaram modelo esférico. Já os demais parâmetros, apresentaram efeito pepita puro. Por fim, por meio das cartas temáticas através da interpolação por krigagem ordinária, constatou-se que as maiores concentrações tenderam a ocorrer em localidades com maiores concentrações de comunidades rurais, e comprovar um cenário de alerta na saúde pública e necessidade de monitoramento da qualidade da água.

 

Spatial modeling of water quality in rural communities of Chapada do Apodi – RN

 

A B S T R A C T

The decrease in water availability experienced in semiarid regions associated with water quality degradation justifies the need for management actions aimed at conserving water resources. In this sense, the present study aims to perform spatial modeling of water quality in rural communities of Chapada do Apodi/RN. For the evaluation of this, descriptive statistical analysis of the physicochemical and biological parameters was used, through the analysis of water quality standards according to current legislation. Next, pearson's linear correlation was used for the purpose of verifying dependence between the variables under study, and interpolation by ordinary kriging accompanied by the determination of experimental semivariograms. it was found that the parameters pH, turbidity, OD, STD, C. total and type E. coli, presented results that were inconsistent when compared to the current legislation. Pearson's linear correlation showed a moderate correlation between TDS and temperature, STD and pH, salinity and pH, in addition to OD and turbidity. In addition, the experimental semivariogram for the temperature that best adjusted was the Gaussian model, the pH adjusted to the exponential model and the variables turbidity, OD and E. coli presented spherical model. The other parameters showed a pure nugget effect. Finally, through thematic letters through interpolation by ordinary kriging, it was found that the highest concentrations tended to occur in localities with higher concentrations of rural communities, and to prove a scenario of alert in public health and need to monitor water quality.

Keywords: Geostatistics. Groundwater. Ordinary Kriging. Conservation of water resources


Palavras-chave


Geoestatística; Água subterrânea; Krigagem ordinária; Conservação dos recursos hídricos.

Texto completo:

PDF

Referências


Ajdary, K., Karami, G., 2014. Quantifying changes in groundwater level and chemistry in Shahrood, northeastern Iran. Hydrogeology Journal 10. https://doi.org/10.1007/s10040-013-1042-8

Ali, A., Javed, S., Ullah, S., Fatima, S.H., Zaidi. F., Khan, M.S., 2018. Bayesian spatial analysis and prediction of groundwater contamination in Jhelum city (Pakistan). Environmental Earth Sciences 77. https://doi.org/10.1007/s12665-018-7253-5

Alvares, C.A., Stape J.L., Sentelhas, P.C., Gonçalves, J.L.M., Sparovek, G., 2013. Köppen's climate classification map for Brazil. Meteorologische Zeitschrift 22, 711-728. https://doi.org/10.1127/0941-2948/2013/0507

ANA. Agência Nacional de Águas, 2010. Avaliação dos Recursos Hídricos Subterrâneos e Proposição de Modelo de Gestão Compartilhada para os Aquíferos da Chapada do Apodi, entre os Estados do Rio Grande do Norte e Ceará. Relatório Final. Brasília.

Andrade, C., Silva, J., Montenegro, A., Montenegro, S., Tavares, U., 2014. Variabilidade espacial da textura em solo aluvial sob o cultivo de cenoura (Daucus carota L.). Revista de Sustentabilidade e Tecnologia Ambiental 9, 59-67.

Andriotti, J.L.S., 2004. Fundamentos de estatística e geoestatística. São Leopoldo-RS: Editora da UNISINOS, 165 p.

APHA. American Public Health Association, 1995. Standart methods for the examination of water and wastewater. 19th edition. Wasghington D.C. American Public Health Association. 953p.

Araujo, C.S.P., Bezerra, J.M., 2018. Qualidade das águas subterrâneas da cidade de Pau dos Ferros-RN. Revista Geotemas 8, 116-131. https://doi.org/10.33237/geotemas.v8i2.3196

Araujo, L.M., Bezerra, F.T.C., Borges, P.F., Araujo, L.S., Pereira, A.R., Moscoso, J.S.C., 2018. Estimativas da evapotranspiração de referência para o município de Apodi, RN. Gaia Scientia 12, 181-192. https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-1268.2018v12n3.34947

Bagnara, D., 2010. Ferramentas de modelagem espacial aplicadas à avaliação da qualidade da água subterrânea na área urbana do município de Passo Fundo-RS. 115 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia na Faculdade de Engenharia e Arquitetura). Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo.

Bolfarine, H., Bussab, W.O., 2005. Elementos de amostragem. São Paulo: Editora Blücher.

Brasil. Ministério da Saúde, 2017. Portaria nº 5 de 28 de setembro de 2017. Consolidação das normas sobre as ações e os serviços de saúde do Sistema Único de Saúde. Diário Oficial (da) República Federativa do Brasil, Brasília.

Cambardella, C.A., Moorman, T.B., Parkin, T.B., Karlen, D.L., Novak, J.M., Turco, R.F., Konopka, A.E., 1994. Field-scale variability of soil properties in Central Iowa Soils. Soil Science Society American Journal 58, 1501-1511.https://doi.org/10.2136/sssaj1994.03615995005800050033x

Cavalcante, R.B.L., 2014. Ocorrência de Escherichia coli em fontes de água e pontos de consumo em uma comunidade rural. Revista Ambiente & Água 9, 550-558. https://doi.org/10.4136/ambi-agua.1301

CONAMA. Conselho Nacional do Meio Ambiente, 2005. Resolução nº 357 de 17 de março de 2005. Dispõe sobre a classificação dos corpos de água e diretrizes ambientais para o seu enquadramento, bem como estabelece as condições e padrões de lançamento de efluentes. Diário Oficial (da) República Federativa do Brasil, Brasília.

CONAMA. Conselho Nacional do Meio Ambiente, 2008. Resolução nº 396, de 3 de abril de 2008. Dispõe sobre a classificação e diretrizes ambientais para o enquadramento das águas subterrâneas e dá outras providências. Diário Oficial (da) República Federativa do Brasil, Brasília.

CPRM. Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais, 2015. Estudo Comparativo entre as Classificações Brasileira, Norte-Americana e da Comunidade Europeia. Disponível: http://www.cprm.gov.br/publique/Redes-Institucionais/Rede-de-Laboratorios-de-Analises-Minerais---Rede-LAMIN/Estudo-Comparativo-entre-as-Classificacoes-Brasileira%2C-Norte-Americana-e-da-Comunidade-Europeia-3525.html?tpl=printerview. Acesso: 10 nov. 2019.

Delfes, M, Perazzoli, M, Goldbach, A, 2015. Avaliação Qualitativa da água do Rio do Peixe na área Urbana do Município de Videira, SC. Unoesc & Ciência – ACET 6, 133-140.

Diggle, P.J., Ribeiro Júnior, P.J., 2007. Model-based geostatistics. New York: Springer, 230 p. https://doi.org/10.1007/978-0-387-48536-2

Faria, G.A., 2013. Uso de um sistema de informação geográfica para análise geoestatística em solos. 114 f. Dissertação (Graduação em Estatística e Experimentação Agropecuária). Universidade Federal de Lavras, Lavras.

Galindo, A.C., Srivastava, N.K., Souza, L.C., Maia, H.N., Sa, J.M., Araújo, A.G.S., Fillippi, R.R., Oliveira, M.T.D., 2017. Geologia e recursos minerais da folha Apodi* SB.24-X-C-VI. 1. Ed, Recife: CPRM, 181p.

Giongo, V., 2019. Agricultura de baixa emissão de carbono. In: II Simpósio do Bioma Caatinga – SIBIC, Petrolina. Anais... Pernambuco: Embrapa Semiárido.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística., 2019a. Pedologia. Banco de Dados de Informações Ambientais (BDIA). Disponível: https://bdiaweb.ibge.gov.br/#/consulta/pedologia. Acesso: 05 set. 2019.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2019b. Censo Demográfico. Disponível: www.ibge.gov.br. Acesso: 05 set. 2019.

IDEMA. Instituto de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte., 2008. Perfil do município: Apodi. Disponível: http://adcon.rn.gov.br/ACERVO/idema/DOC/DOC000000000016659.PDF. Acesso: 05 set. 2019.

Kabir, M.S., Salam, M.A., Paul, D.N.R., Hossain, M.I., Rahman, N.M.F., Aziz, A., Latif, M.A., 2016. Spatial Variation of Arsenic in Soil, Irrigation Water, and Plant Parts: A Microlevel Study. The Scientific World Journal. https://doi.org/10.1155/2016/2186069

Kavurmaci, M., 2016. Evaluation of groundwater quality using a GIS-MCDA-based model: a case study in Aksaray,Turkey. Environ Earth Sciences 75, 1-17. https://doi.org/10.1007/s12665-016-6074-7

Kayode O.T., Okagbue H.I., Achuka J.A., 2018. Water quality assessment for groundwater around a municipal waste dumpsite. Data Brief 17, 579-587. https://doi.org/10.1016/j.dib.2018.01.072

Leonardi, I.R. 2018. Modelagem geoestatística de parâmetros de qualidade da água na lagoa do rio Barigui em Curitiba - Paraná. 122 f. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba.

Curi, N., Silva, M.A., Oliveira, A.H., 2014. Variabilidade de atributos do solo sob pastagens e mata atlântica na escala de microbacia hidrográfica. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental 18, 515-526. https://doi.org/10.1590/S1415-43662014000500008

Macedo, R.R., Mendes, R.L.R., Costa, T., 2018. Sistema de informação geográfica (SIG) aplicado a gestão de recursos naturais. Atlas do aproveitamento de água da chuva nas ilhas de Belém - iniciativas, demandas e potencialidades. GEO UERJ, 1. https://doi.org/10.12957/geouerj.2018.29876

Maia, P.J.S., Souza, M.P., Paes, O.A.R.L., Freitas, F.A., 2017. Estudo da Variação da Salinidade de Águas Subterrâneas do Poço Amazonas (Canindé-Ceará) em função da pluviosidade. Scientia Amazonia 6, 83-91.

Matias, S.S.R., Nóbrega, J.C.A., Nóbrega, R.S.A., Andrade, F.R., Baptistel, A.C., 2015. Variabilidade espacial de atributos químicos em Latossolo cultivado de modo convencional com soja no cerrado piauiense. Revista Agro@mbiente 9, 17-26. https://doi.org/10.5327/Z1982-8470201500012036

Mcleod, L., Bharadwaj, L., Epp, T., Waldner, C.L., 2017. Use of Principal Components Analysis and Kriging to Predict Groundwater-Sourced Rural Drinking Water Quality in Saskatchewan. Int J Environ Res Public Health 14. https://doi.org/10.3390/ijerph14091065

Mcgill, B.M., Altchenko, Y., Hamilton, S.K., Kenabatho, P.K., Sylvester, S.R., Villholth, K.G., 2019. Complex interactions between climate change, sanitation, and groundwater quality: a case study from Ramotswa, Botswana. Hydrogeol Journal 27, 997-1015. https://doi.org/10.1007/s10040-018-1901-4

Medeiros, A.C., Lima, M.O., Guimaraes, R.M., 2016. Avaliação da qualidade da água de consumo por comunidades ribeirinhas em áreas de exposição a poluentes urbanos e industriais nos municípios de Abaetetuba e Barcarena no estado do Pará, Brasil. Ciência & Saúde Coletiva 21, 695-708. https://doi.org/10.1590/1413-81232015213.26572015

Menezes, J.P.C., Bertossi, A.P.A., Santos, A.R., Neves, M.A., 2014. Correlação entre uso da terra e qualidade da água subterrânea. Engenharia Sanitária e Ambiental 19, 173-186. https://doi.org/10.1590/S1413-41522014000200008

Menezes, J.P.C., Bittencourt, R.P., Farias, M.S., Bello, I.P., Fia, R., Oliveira, L.F.C., 2016. Relação entre padrões de uso e ocupação do solo e qualidade da água em uma bacia hidrográfica urbana. Engenharia Sanitária e Ambiental 21, 519-534. https://doi.org/10.1590/S1413-41522016145405

Neves, A.L.R., Pereira, M.A., Lacerda, C.F., Gheyi, H.R., 2017. Aspectos socioambientais e qualidade da Água de dessalinizadores nas comunidades rurais de Pentecoste-CE. Revista Ambiente e Agua 12. https://doi.org/10.4136/ambi-agua.1722

Nozaki, C.T., Marcondes, M.A., Lopes, F.A., Santos, K.F., Larizzatti, P.S.C., 2014. Comportamento temporal de oxigênio dissolvido e pH nos rios e córregos urbanos. Atas de Saúde Ambiental ASA 2.

Oliveira Júnior, H.S., 2016. Monitoramento e mapeamento das águas subterrâneas de abastecimento urbano do município de Mossoró-RN. 87 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Pós-graduação em Manejo Solo e Água, Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Mossoró.

Oliveira, D.G., Reis, E.F., Medeiros, J.C., Martins, M.P.O., Umbelino, A.S., 2018. Correlação espacial de atributos físicos do solo e produtividade de tomate industrial. Revista Agro@mbiente 12, 1-10. https://doi.org/10.18227/1982-8470ragro.v12i1.4211

Oliveira, F.R., Cardoso, F.B.F., Manoel Filho, J., Kirchheim, R., Feitosa, E.C., Teixeira, H.R., Varella Neto, P.L., Goncalves, M.V.C., Nascimento, F.S., 2012. Gestão compartilhada de águas subterrâneas na Chapada do Apodi, entre os estados do Ceará e Rio Grande do Norte. In: XVII Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas, Bonito. Anais... Mato Grosso do Sul.

Oliveira, J.N., Dall'aglio Sobrinho, M., Digiunta, V., 1998. Utilização de krigagem como estimador da variabilidade espacial de nitrato em um aquífero. In: X Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas, São Paulo-SP.

Pinto Filho, J.L.O., Goncalves, G.L., Lunes, A.R.S., 2019. Caracterização socioeconômica e ambiental das comunidades rurais da Chapada do Apodi-RN. Geosul (UFSC) 35, 01-28. https://doi.org/10.5007/1982-5153.2019v34n71p697

Pontes, A.G.V., Gadelha, D., Freitas, B.M.C., Rigotto, R.M., Ferreira, M.J.M., 2013. Os perímetros irrigados como estratégia geopolítica para o desenvolvimento do semiárido e suas implicações à saúde, ao trabalho e ao ambiente. Revista Ciência e Saúde Coletiva 18, 3213-3222. https://doi.org/10.1590/S1413-81232013001100012

Santana Júnior, H.E. 2010. Zoneamento agroecológico do município de Apodi/RN. 121f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente). Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal.

Santos, K.E.L., 2017. Geoestatística e geoprocessamento aplicados à tomada de decisão agroambiental em um sistema de produção de leite a pasto intensivo. 84 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Engenharia Ambiental), Universidade de São Paulo, São Carlos.

Sibaldelli, R.N.R., Carvalho, J.D.F.C., Oliveira, M.C.N., 2015. Uso de geoestatística no estudo da variabilidade espacial da capacidade de troca de cátions do solo. Global Science and Technology 8, 141-156. https://doi.org/10.14688/1984-3801/gst.v8n1p141-156

SILVA, D. D., MIGLIORINI, R. B., SILVA, E. C., ZORAIDY, M. L., MOURA, I. B. Falta de saneamento básico e as águas subterrâneas em aquífero freático: região do Bairro Pedra Noventa, Cuiabá (MT). Engenharia Sanitária e Ambiental, v. 19, n. 1, p. 43-52, 2014. https://doi.org/10.1590/S1413-41522014000100005

Silva, E.B., Neto, J.R.A., Palacio, H.A.Q., Souza, C.A., Andrade, E.M., 2017. Variabilidade espaço-temporal da qualidade de água no vale do rio Trussu, Ceará. Revista brasileira de agricultura irrigada 11, 1420-1429. https://doi.org/10.7127/rbai.v11n300562

Silva, R.S.B., Sousa, A.M.L., Sodre, S.S.V., Vitorino, M.I., 2018. Avaliação sazonal da qualidade das águas superficiais e subterrâneas na área de influência do Lixão de Salinópolis, PA. Revista Ambiente & Água 13. https://doi.org/10.4136/ambi-agua.2072

Soares, L.L.L.O., Pinto Filho, J.L.O., Feitosa, A.P., Bezerra, J.M., 2019. Perfil socioeconômico e percepção ambiental dos moradores do entorno da Lagoa do Apodi, Rio Grande do Norte. Revista verde de agroecologia e desenvolvimento sustentável, v. 14, p. 111-119, 2019. https://doi.org/10.18378/rvads.v14i1.5793

Souza, Z.M., Souza, G.S., Marques Junior, J., Pereira, G.T., 2014. Número de amostras na análise geoestatística e na krigagem de mapas de atributos do solo. Ciência Rural 44, 261-268. https://doi.org/10.1590/S0103-84782014000200011

Sperling, M.V., 2005. Introdução à Qualidade das Águas e ao Tratamento de Esgotos. 3ª. ed. Belo Horizonte: Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental.

Sperling, M.V., 2014. Introdução à qualidade das águas e ao tratamento de esgotos. 4. ed. Belo Horizonte: UFMG.

Tavares, J.M., Souza, P.M.A.D., 2016. Características ambientais das comunidades de baiacu e de cachoeira na baía de todos os santos- Bahia - Brasil. Holos 7, 258-265. https://doi.org/10.15628/holos.2016.4664

Teixeira, Z.A., 2015. Processos determinantes da qualidade das águas subterrâneas da Formação Jandaíra na Chapada do Apodi/CE. 144 f. Dissertação (Mestrado em Geologia). Universidade Federal do Ceará, Fortaleza.

Yamamoto, J.K., Landim, P.M.B., 2013. Geoestatística: conceitos e aplicações. São Paulo: Oficina de textos, 215p.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v13.4.p1819-1834

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License