ESCOLHA RACIONAL OU DISPOSIÇÕES INCORPORADAS: diferentes referenciais teóricos na análise sociológica do processo de escolha dos estudos superiores1

Cláudio Martins Nogueira

Resumo


O texto discute os desafios envolvidos na interpretação sociológica do processo de escolha dos estudos superiores. Na primeira parte, são discutidos os principais resultados obtidos pelas pesquisas empíricas nacionais e internacionais sobre o tema, ressaltando que fundamentalmente elas apontam a existência de diferenças significativas no perfil social e escolar dos candidatos aos diferentes cursos, e acentuam a importância dos processos de autosseleção na definição dos estudos superiores. Na segunda parte, o artigo discute os limites e as potencialidades de diferentes referenciais teóricos da Sociologia como instrumentos de interpretação do processo de escolha dos estudos superiores. São consideradas especialmente a perspectiva de Raymond Boudon, principal representante francês das Teorias da Escolha Racional, e a proposta disposicionalista, na qual é incluída a Teoria do Habitus, de Pierre Bourdieu, e a abordagem de Bernard Lahire.



Texto completo:

HTML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427