DISSERTAÇÃO - ALUNO PORTADOR DE DEFICIÊNCIA: PROBLEMA MÉDICO-PEDAGÓGICO OU CONQUISTA DE CIDADANIA? A EDUCAÇÃO ESPECIAL EM PERNAMBUCO.

Ester Calland de Souza

Resumo


A educação especial entendida como produto de condições sociais concretas, e não como decorrência inevitável da existência, começa a se questão educacional, no Brasil, em meados do século XIX. Enfocando  o estabelecimento de uma política nacional de educação especial, procurou-s retraçar o processo de conquista
do direito formal à escola e do reconhecinento dos direitos de cidadão do portador .de deficiência.


Texto completo:

PDF


 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.


                                         INDEXADORES

       
 
 
  
 
   
 
 
                                          BUSCADORES 
                                  


                                                      
                                           
                                              MÉTRICAS 
 
GOOGLE ACADÊMICO: https://scholar.google.com.br/citations?hl=pt-BR&user=BbrMvUMAAAAJ