UMA VIVÊNCIA FUNDAMENTADA NOS TRÊS MOMENTOS PEDAGÓGICOS NO ENSINO DE FUNÇÕES ORGÂNICAS

Tathyane Oliveira Lima, Ariane Nascimento dos Santos, Marina Josefa da Silva, Marília Gabriela de Menezes Guedes

Resumo


Este trabalho apresenta uma sequência didática fundamentada na perspectiva dos Três Momentos Pedagógicos de Delizoicov, Angotti e Pernambuco, (2011), no qual se aborda uma temática problematizadora sobre poluição alimentar explorando os conteúdos de química orgânica no contexto da utilização de agrotóxicos e aditivos químicos alimentares. Os Três Momentos Pedagógicos estão fundamentados na pedagogia problematizadora de Paulo Freire, que propõe uma visão crítica do processo de ensino e aprendizagem. Além disso, foi analisado o processo de contextualização dos assuntos e estruturação dos significados científicos pelos estudantes. Através dos resultados obtidos, compreendemos que a proposta aqui apresentada favoreceu uma vivência pedagógica que possibilitou aos estudantes buscar e construir o conhecimento científico na perspectiva emancipadora. Visto que essa perspectiva traz a oportunidade de que os estudantes se posicionem criticamente diante de um contexto real e busquem refletir e propor soluções.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Orientações Curriculares Para o Ensino Médio. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica: Brasília - DF, 2006.

_____. Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino Médio: ciências da natureza, matemática e suas tecnologias. Brasília, Secretaria de Educação Básica: MEC, 2006.

DELIZOICOV, D.; ANGOTTI, J. A.; PERNAMBUCO, M. C. A. Ensino de ciências: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 2011.

FERREIRA, Eurico Costa. O Uso dos Audiovisuais como Recurso Didático. 2010. 75f. Dissertação de Mestrado – Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Porto, 2010.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro | São Paulo: Paz e Terra, 2014.

_____. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

GIORDAN, M. O papel da experimentação no ensino de ciências. Química nova na escola, n. 10, p. 43-49, 1999.

GLOBO RURAL. Agricultura. Entenda o que está em jogo na nova lei dos agrotóxicos. Disponível em Acesso em: 03 de Outubro de 2018.

OECD (2016), PISA 2015 Results (Volume I): Excellence and Equity in Education, PISA, OECD Publishing, Paris.

OLIVEIRA, Elisandra Brizolla de. SANTOS, Franklin Noel dos. Pressupostos e Definições em Interdisciplinaridade: dialógo com alguns autores. Revista Interdisciplinaridade. São Paulo, no. 11, pp. 01-151, out. 2017.

Volume 3

Número 1 ISSN 2595 - 7597

https://periodicos.ufpe.br/revistas/vivencias

2

Revista Vivências em Ensino de Ciências

ª Edição Especial

POLÔNIO, Maia Lúcia Teixeira; PERES, Frederico. Consumo de aditivos alimentares e efeitos à saúde: desafios para a saúde pública brasileira. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, pp. 1653-1666, Agosto, 2009.

SANTOS, Priscilla Carmina dos. ARROIO, Agnaldo. A Utilização de Recursos Audiovisuais no Ensino de Ciências: tendências nos ENPECs entre 1997 e 2007. Anais do VII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências. Florianóplis, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Av. Prof. Moraes Rego, 1235 - Cidade Universitária, Recife - PE, 50670-901.