Afetos e sentidos no conto “11. September”, de Catalin Dorian Florescu

Dionei Mathias

Resumo


O conto “11. September” (’11 de setembro’), do autor Catalin Dorian Florescu, trata do modo como os protagonistas, Max e Rosalie, processam suas percepções, criando uma rede de causas, a fim de tecer uma narrativa que produza sentido existencial. Nesse contexto, a produção de sentido está atrelada a uma configuração afetiva específica que precisa ser administrada pelos protagonistas. Diante da desestabilização das redes sociais, os protagonistas precisam estratégias para pensar e narrar suas identidades. Assim, após discutir a interseção teórica entre afetos e sentidos, o artigo passa a discutir a fragilização de sentidos no texto.


Texto completo:

PDF

Referências


DOBREVA, Boryana. Subjectivity Regained? German-language Writing from Eastern Europe and the Balkans through an East-West Gaze. Tese de doutorado. Universidade de Pittsburgh, EUA, 2011.

FLORESCU, Catalin Dorian. “11. September”. In: LJUBIC, Nicol et alia (ed.). Feuer, Lebenslust! Erzählungen deutscher Einwanderer. Stuttgart: Klett-Cotta, 2003, p. 90-121.

GLĂVAN, Gabriela. "Fictions of Displacement: Cătălin Dorian Florescu and Herta Müller". In: Analele Universităţii de Vest din Timişoara.Seria ştiinţe filologice, 54, 2016, p.107-113.

HAINES, Brigid. “The Eastern Turn in Contemporary German, Swiss and Austrian Literature”. In: Debatte, 16, 2008, p. 135-49.

KRAUSE, Thomas. “Literatur der deutschsprachigen Minderheit Rumäniens“. In: CHIELLINO, Carmine (ed.). Interkulturelle Literatur in Deutschland. Ein Handbuch. Stuttgart: Metzler Verlag, 2007, p. 177-188.

SCHEVE, Christian von. Emotionen und soziale Strukturen. Frankfurt am Main/New York: Campus Verlag, 2009.






Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.