HISTÓRIA DOS ARITMÔMETROS ESCOLARES NO ENSINO PRIMÁRIO DA MATEMÁTICA NO BRASIL (1883 – 1927)

Luiz Carlos PAIS

Resumo


RESUMO

Este artigo registra aspectos históricos da produção e difusão de materiais didáticos da educação matemática, no contexto brasileiro das últimas décadas do século XIX e início do século XX. Mais especificamente são focalizados os então denominados aritmômetros, usados no quadro de valorização do método intuitivo, reunindo ábacos e outros recursos para o ensino as operações elementares da aritmética e do sistema métrico decimal. As fontes usadas foram relatórios ministeriais, bem como de diretores da instrução pública do município da Corte, regimentos escolares; manuais pedagógicos e livros escolares. O referencial adotado envolve os conceitos de cultura e disciplina escolares, propostos por André Chervel. Foram também usados os conceitos de estratégias e táticas propostos por Michel de Certeau e de apropriação, no sentido definido por Roger Chartier. A pesquisa permitiu constatar que entre os desafios da modernização do ensino da matemática estava o postulado de recorrer a procedimentos intuitivos e experimentais, reduzindo as práticas da memorização. Essa orientação incluía o uso de diversos objetos para ensinar o sistema de numeração, as operações e o sistema métrico. O estudo permitiu compreender que a fase inicial da expansão da educação primária coincide com maior valorização de aspectos práticos e úteis do ensino da matemática, originando um novo discurso em relação às práticas tradicionais.

 

HISTORY OF THE SCHOOL ARITHMOMETER IN THE PRIMARY TEACHING OF THE MATHEMATICS IN BRAZIL (1883 - 1927)

ABSTRACT

This article white the history of the production and dissemination of educational materials of mathematics education in the Brazilian, in the context of the last decades of the nineteenth century and begin of the twentieth century. Specifically targeted are the so called arithmometer, developed within the intuitive method of valuation, gathering abacuses and other resources for teaching the elementary operations of arithmetic and the metric system. The sources used were ministerial reports, as well as directors of public instruction of the county court, school bylaws; teaching manuals and textbooks. The reference includes the concepts of school culture and discipline, proposed by André Chervel. Have also used the concepts of strategies and tactics proposed by Michel de Certeau and ownership, in the sense defined by Roger Chartier. The research allowed to observe that among the challenges of the modernize the teaching of mathematics was the postulate of use intuitive and experimental procedures, reducing the hitherto prevailing practices of memorization. This guidance included the use of material objects to teach the numbering, the operations and the metric system. The study allows us to understand that the initial phase of the expansion of primary education coincides with a time of appreciation of practical and useful aspects of mathematics teaching, creating a new discourse in relation to traditional practices.


Palavras-chave


Materiais didáticos da Matemática. Método intuitivo. Cultura Material da Escola. Recursos didáticos. Didática da Matemática. Didactic Materials Mathematics. Intuitive method. Material Culture of the School. Teaching resources. Didactics of mathematics.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36397/emteia.v5i2.2201

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2177-9309

Contato: revista.emteia@ufpe.br