INTERLOCUÇÕES ENTRE A EDUCAÇÃO DO CAMPO E A ETNOMATEMÁTICA

Claudia Glavam DUARTE

Resumo


Este artigo busca refletir sobre as condições favoráveis que são oferecidas pela Educação do Campo para experiências etnomatemáticas. Os princípios que sustentam tal Educação aliado a sua forma de organização dos tempos e espaços escolares – Pedagogia da Alternância – constituem-se em um terreno bastante favorável para a investigação de diferentes racionalidades. No entanto, tal condição favorável exige, por sua vez, uma intensa reflexão no sentido de não subordinarmos as racionalidades presentes no Campo à racionalidade acadêmica. A problematização proposta tem como subsídio empírico as experiências pedagógicas vivenciadas por alunos da Licenciatura em Educação do Campo da Universidade Federal de Santa Catarina durante a realização dos Tempos Comunidades. As ferramentas teóricas utilizadas são provenientes de Wittgenstein, em sua segunda fase e das contribuições de Deleuze e Gattari, especificamente os conceitos de ciência nômade e ciência de Estado.

 

INTERLOCUTIONS BETWEEN RURAL EDUCATION AND ETHNOMATHEMATICS.

 Abstract:

This article reflects on the favorable conditions that are offered by the Rural Education for the Ethomathematics experiences. The principles that underpin such Education combined with its organization of school time and spaces - Pedagogy of Alternation - are a very favorable ground for the investigation of different rationalities. However, this favorable condition requires an intense reflection in not subordinating rationalities presents in the academic field. The proposed problematization is based on the empirical subsidy of the pedagogical experiences developed by students attending a university undergraduate course in Rural Education at the Federal University of Santa Catarina, Brazil, during the activities of Communities Times. The theoretical tools used are from Wittgenstein, in his second phase, and the contributions from Deleuze and Gattari, specifically the concepts of State Science and Nomad Science.

 


Palavras-chave


Ethomathematics; Rural Education, Pedagogy of Alternation; State Science; Nomad Science; Etnomatemática; Educação do Campo; Pedagogia da Alternância; Ciência de Estado; Ciência Nômade;

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36397/emteia.v5i1.2206

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2177-9309

Contato: revista.emteia@ufpe.br